menu

01/07/2018


Inaldo retoma pré-candidatura à Câmara e rivaliza com Leonardo Gadelha fazendo Sousa palco de disputa

Sousa, importante cidade do Sertão da Paraiba, será palco de disputa particular em 2018 onde a confirmação da pré-candidatura de Inaldo Leitão à Câmara Federal expõe confronto de projetos com o também pré-candidato Leonardo Gadelha. Como ex-parlamentar articulado e respeitado em Brasilia, Inaldo busca atrair o legado do ex-governador Antônio Mariz.

Inaldo chega ao processo conduzindo a condição de ex-presidente da Comissão de Constituição e Justiça – a mais importante da Câmara em primeiro mandato, algo singular na vida de qualquer politico.

O CURRICULUM

A participação de Inaldo desta feita chega com alguns valores atuais, como o prestigio do presidente nacional, Gilberto Kassab, que desde a fase liderada pelo saudoso Rômulo Gouveia, já garantia tratamento especial a ele pela condição de quem já teve e sabe o valor do mandato parlamentar.

O ex-deputado federal não é qualquer  um concorrente e acumula a condição de um político experiente, ex-aliado especial do ex-governador Antonio Mariz, ex-Secretário de Estado,.ex-lider de Governo e ex-presidente da Assembleia Legislativa. Tem pedigree.

Ele busca exatamente ocupar a vacância do que representou Mariz pela condição de expert no Direito.

DISPUTA A PARTIR DE SOUSA

O projeto de agora precisou ou exigiu que ele mantivesse o apoio do prefeito Fábio Tyrone, do vice Zenildo Oliveira, ex-prefeiro João Estrela e do deputado estadual Lindolfo Pires, sem o qual não teria a mínima chance.

Como o atual prefeito tem gestão aprovada isto implica em garantia de transferência de votos saindo da região de Sousa com forte saldo eleitoral.

EFEITO IMEDIATO

Por conta do apoio de Sousa, Inaldo precisou abrir dissidência e não votar no pré-candidato Lucélio Cartaxo passando a apoiar João Azevedo, preferido pelo atual comando politico da cidade.

É desde conjunto de fatores que Inaldo se diz em condições de disputar com chances uma das 12 vagas. Tendo o apoio no nível prometido por Kassab sua performance tende a crescer pela receptividade em grandes centros como João Pessoa.

Notícias relacionadas