menu

09/06/2018


A Nova configuração do UNIPÊ com aquisição de 84% das ações e os efeitos na gestão e no mercado de educação

unipe coletiva

O sonho de um grupo de educadores da Paraíba, muito deles ex-Padres com convivência em Roma, de criar uma Universidade Autônoma à base de uma estrutura filantrópica apenas deixou de existir dias atrás diante do anúncio de aquisição de 84% das ações do UNIPÊ pelo Grupo Cruzeiro do Sul, de São Paulo, o 3º maior do Brasil.

Os diretores da Universidade paulista não quiseram responder a uma pergunta do WSCOM sobre o valor da negociação, mas pudemos apurar até junto ao jornal “Valor Econômico” que tudo se deu em torno de R$ 240 a 320 milhões sem contar os 30 mil hectares em área nobre de João Pessoa.

Sem tirar nem por, é a maior negociação dos últimos tempos no Nordeste do Brasil na área de educação superior, por se tratar de duas grandes Universidades conceituadas consolidando aquisição, que ainda precisa do aval do CADE.

OUTROS TEMPOS, UTOPIAS LÁ LONGE

Como disse, o sonho de Educadores com formação religiosa sob influência da Igreja Católica começou a ser afetado com o passar dos anos porque a conjuntura do setor de educação mudou muito, sobretudo com a chegada de grandes grupos de capital externo e o novo modelo de vida social.

A postura à lá Século passado já não servia nem serve porque o modelo de filantropia vive esgotamento e as novas gerações dos sucessores dos Fundadores resolveram mudar o conceito e rumo admitindo enfrentar o mercado que vive de lucro.

Esta foi a grande tarefa da Reitora e também sucessora Ana Flávia Pereira, paraibana formada nos Estados Unidos, e responsável por toda a engenharia empresarial de agora.

Deu status imenso à nova fase do UNIPÊ passando a ter perspectiva de maior ajuste conjuntural e crescimento, já sem a utopia dos ex-padres.

Em síntese, surge novo ciclo operoso e de reinserção da Universidade privada de ótimo conceito no disputado mercado privado da educação.

A utopia não existe mais.

A CIRURGIA DE CÁSSIO

O senador Cássio Cunha Lima já está em São Paulo para se submeter na próxima segunda-feira a uma cirurgia de Vesícula depois que, ao fazer checkup, detectou alguns cálculos cuja recomendação médica é de retirada.

– No Checkup foi identificado cálculos na vesícula e a conduta recomendada pelo Dr. Sérgio Nahas é a cirurgia, revelou o parlamentar ao Portal WSCOM.

– Nada de grave, adicionou. Ele não precisará de muito tempo de licença porque a cirurgia é rápida com recuperação no mesmo nível.

Notícias relacionadas