menu

18/01/2018


O perigo do destempero emocional

 

É preciso muito cuidado na análise do que existe por trás do destempero emocional de algumas pessoas. Principalmente quando se tratam de indivíduos que se propõem a ganhar nossa confiança para o exercício de atividades que podem afetar nossas vidas. Quem tem dificuldade em administrar suas próprias emoções, não tem o equilíbrio necessário para ter domínio sobre os outros.

O destemperado emocional não consegue reconhecer suas vulnerabilidades e parte para agressão quando percebe que está exposto a críticas que possam atingir sua reputação. Teme ver cair por terra a imagem que buscou construir, e, por isso, parte para reações agressivas quando interpelado a respeito de algum assunto que não deseja ser publicizado.

O furor de um destemperado tem efeito devastador. Principalmente quando manifestado por alguém que conquistou adeptos ao seu perfil comportamental. O descontrole emocional produz atos de insensatez, imprudência, ausência de ponderação. O homem sábio evita entrar em confusão, reage sempre com serenidade, não trava discussões desnecessárias, é um estimulador do espírito de paz.

Daí a necessidade de verificar bem o comportamento daqueles que reagem por impulso ao primeiro embate que lhe imponha ameaça. É muito perigoso confiar em quem não tem controle das suas emoções e demonstra uma conduta de vida própria dos destemperados.
 

Notícias relacionadas