menu

Política

08/01/2019


Queiroz diz ao MP que está internado no Albert Einstein, em São Paulo

Intimado a prestar depoimento desde o mês passado, Fabrício Queiroz, ex-assessor do deputado estadual e senador eleito Flávio Bolsonaro (PSC-RJ), informou nesta terça-feira (8) ao Ministério Público do Rio que está internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, e que no dia 1º de janeiro submeteu-se a uma cirurgia para retirar um tumor maligno do intestino.

De acordo com documento encaminhado pela defesa de Queiroz ao MP, o ex-assessor foi diagnosticado com neoplasia de cólon sigmoide (câncer de cólon). A defesa informou que o seu cliente passará por nova avaliação de médicos para avaliar qual o melhor tratamento quimioterápico realizará.

O Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) identificou uma movimentação atípica superior a R$ 1,2 milhão entre 2016 e 2017 por parte de Queiroz, inclusive pagamentos de R$ 24 mil a Michelle Bolsonaro, mulher do presidente Jair Bolsonaro.

O ex-assessor faltou duas vezes a depoimento marcado no Ministério Público Federal, alegando problema de saúde. Em entrevista ao SBT, Queiroz disse que o valor em dinheiro movimentado em suas contas é fruto da compra e venda de veículos usados, mas não disse por que recebeu tantos depósitos de assessores de Flávio em sua conta e nem a origem do dinheiro.

Brasil 247