menu

Paraíba

24/08/2019


Prefeitura de João Pessoa promove dia D da Campanha de Vacinação Antirrábica para cães e gatos; prefeito acompanha trabalhos

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) está disponibilizando 185 postos de imunização distribuídos por toda a cidade até as 17h.

Imagem reprodução/Foto: Ascom-JP

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, acompanhou, na manhã deste sábado (24), o Dia D da Campanha de Vacinação Antirrábica para cães e gatos. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) está disponibilizando 185 postos de imunização distribuídos por toda a cidade até as 17h. A abertura da campanha de vacinação aconteceu no Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses (Cvaz), no bairro dos Bancários.

 

“A campanha é muito importante para protegermos os nossos animais de estimação e também para prevenir que a doença seja transmitida às pessoas. Estão todos convidados a comparecer a algum dos postos de vacinação e levar seus bichinhos para serem vacinados”, afirmou o prefeito Luciano Cartaxo.

 

Cerca de 950 pessoas, entre profissionais, alunos do curso de Medicina Veterinária e voluntários estão trabalhando no dia D da Campanha. A meta é imunizar 65 mil animais, entre gatos e cachorros, apenas neste sábado. Depois, de acordo com a necessidade, a PMJP irá fazer como no ano passado, com a vacinação itinerante em bairros com grande número de animais, principalmente de rua.

 

Devem ser vacinados cães e gatos a partir dos três meses de vida. O proprietário deve levar o cartão de imunização do animal, mas aqueles que não tiverem o cartão também receberão o comprovante de vacinação. Caso seja a primeira vez que o animal será vacinado, o proprietário deve ficar em alerta para a segunda dose, que deve ser realizada após 30 dias.

 

Cães e gatos devem ser vacinados uma vez ao ano e o fato de o animal ter sido vacinado no último ano não significa que não precise tomar este ano novamente, orienta o gerente de Vigilância Ambiental e Zoonoses da SMS, Nilton Guedes. “Porém, se o animal estiver debilitado, não deverá receber a vacina. Isso será avaliado pela equipe no momento da vacinação e, após o restabelecimento do animal, ele poderá ser imunizado”, explicou Nilton Guedes.

 

Para saber o ponto de vacinação mais perto de sua casa, o usuário pode ligar no número: 3218-9357 ou acessar o link: https://midi.as/_9Q2

 

Raiva animal – A raiva animal é uma doença causada por um vírus. Ela ataca diversos animais, e também o homem. Quase 100% das pessoas que adquirem a doença chegam ao óbito. O cão, o gato e o morcego são os principais transmissores da raiva em áreas urbanas.

 

O animal raivoso apresenta mudança de comportamento, para de comer, esconde-se em locais mais escuros, tenta beber água sem conseguir engolir, procura fugir de onde está preso e morde tudo o que vê pela frente (objetos, animais e pessoas).

 

Quando uma pessoa é agredida por um animal, a exemplo do cão, gato, morcego ou sagui, a recomendação é não matar o animal e pedir orientação ao Centro de Vigilância Ambiental e Zoonoses (Cvaz) de João Pessoa, por meio dos telefones: (83) 3218-9357 ou 3214-3459.

 

LEIA MAIS: Orçamento Participativo: Luciano Cartaxo discute prioridades de investimentos com população