menu

Política

26/01/2013


Aeronáutica ouve piloto do avião de RC

Acidente com Ricardo

Uma comissão da Aeronáutica iniciou, nesta sexta-feira (25), as investigações para tentar identificar os motivos que levaram o piloto Nilton Pinheiro a realizar no final da manhã, um pouso forçado, no aeroclube de Campina Grande, localizado no distrito de São José da Mata, com o avião que transportava o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), e o secretário-executivo do PAC, Ricardo Barbosa, que iriam inaugurar obras na cidade.

Aliás, apesar do acidente, a agenda do governador foi mantida.

Ontem mesmo, a comissão ouviu o piloto Nilton Pinheiro, que revelou não poder dá detalhes do seu depoimento, antes da conclusão do laudo da aeronáutica, que poderá demorar até um ano para ser concluído.

A Secretaria de Comunicação divulgou uma nota sobre o episódio. No material, a Secom diz que “informações preliminares dão conta que houve falha no trem de pouso da aeronave, o que obrigou o piloto a pousar no Aeroclube da cidade”.

Nota

A Secretaria da Comunicação informa que o avião que conduzia o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, sofreu um acidente no final da manhã desta sexta-feira (25), no distrito de São José da Mata, no município de Campina Grande.

Informações preliminares dão conta que houve falha no trem de pouso da aeronave, o que obrigou o piloto a pousar no Aeroclube da cidade. Além do governador, estavam no avião o superintendente da SUPLAN e secretário executivo de Obras do PAC, Ricardo Barbosa, o Ajudante de Ordens, capitão Anderson Pessoa e o piloto da aeronave. Ninguém ficou ferido.

A aeronave permanecerá no Aeroclube de Campina Grande e será submetida a perícia para identificação das causas do incidente.

Ricardo Coutinho viajava de João Pessoa para Campina Grande para participar da inauguração da Unidade de Policiamento Solidário (UPS) no bairro do Mutirão e da entrega da nova Escola Estadual José Pinheiro. A agenda do governador não sofreu alterações e as atividades transcorreram normalmente.