menu

Esporte

20/08/2019


Pia Sundhage convoca seleção brasileira feminina; Marta na lista

Lucas Figueiredo/CBF

 Escolhida pela CBF para substituir Osvaldo Alvarez, o Vadão, a técnica sueca Pia Sundhage fez nesta terça-feira, na sede da entidade, no Rio de Janeiro, a sua primeira convocação da seleção brasileira feminina de futebol. Já de olho nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020, a nova treinadora do Brasil chamou 23 jogadoras para a disputa de um torneio amistoso em São Paulo no final deste mês, sendo que 15 delas participaram recentemente do Mundial da França.

Nesta manutenção de uma base do grupo que caiu nas oitavas de final para as anfitriãs francesas estão nomes conhecidos como a atacante Marta, do Orlando Pride, e a veterana volante Formiga, de 41 anos, do Paris Saint-Germain. Cristiane, que ainda se recupera de uma lesão sofrida no Mundial e nem voltou a jogar pelo São Paulo, não foi chamada.

Entre as novidades estão a presença da meia Yaya, do São Paulo, que fará a sua estreia na seleção principal, e as voltas da zagueira Erika, do Corinthians, e da lateral Fabiana, do Internacional, que foram convocadas para o Mundial, mas sofreram o corte a poucos dias da estreia por conta de lesão muscular.

Pia Sundhage fará a sua estreia na seleção brasileira feminina em um torneio amistoso com outros três países no estádio do Pacaembu, em São Paulo, e o primeiro jogo será contra a Argentina, no próximo dia 29, às 21h30, em uma das semifinais. A outra será entre Chile e Costa Rica.

A competição amistosa terá quatro jogos que serão disputados em rodadas duplas. As duas semifinais serão na quinta-feira da semana que vem e as partidas restantes – final e disputa do terceiro lugar – acontecerão em 1.º de setembro, um domingo. O torneio será realizado na primeira data Fifa após o Mundial, entre 26 deste mês e 3 de setembro.

Com pouco tempo para a sua estreia, Pia Sundhage espera um time com uma atitude diferente de antigamente, especialmente nas defesa. “Uma coisa que espero que vejam é uma atitude um pouco diferente na defesa. Se estivermos sem posse de bola todo mundo precisa recuperá-la. E se a gente fizer isso vai ficar um pouco mais no entorno de quem está com a bola e construir o ataque. Espero que seja assim. Temos alguns dias antes do primeiro jogo. Vai levar um tempo, mas pouco a pouco vocês vão ver as mudanças”, disse a sueca na entrevista coletiva.

Confira a lista de convocadas da seleção brasileira:

Goleiras – Bárbara (Avaí/Kindermann) e Aline Reis (Tenerife-ESP);

Laterais – Letícia Santos (Frankfurt-ALE), Fabiana (Internacional), Joyce (Tenerife-ESP) e Tamires (Corinthians);

Zagueiras – Kathellen (Bordeaux-FRA), Mônica (sem clube), Erika (Corinthians) e Bruna Benites (Internacional);

Meias – Thaisa (Real Madrid-ESP), Formiga (Paris Saint-Germain-FRA), Luana (KSPO-CDS) e Yaya (São Paulo);

Atacantes – Andressa Alves (Roma-ITA), Geyse (Benfica-POR), Marta (Orlando Pride-EUA), Milene (Corinthians), Debinha (North Carolina Courage-EUA), Chú (Changchun Dazhong-CHN), Bia Zaneratto (Incheon Hyundai-CDS), Ludmila (Atlético de Madrid-ESP) e Raquel (Sporting Lisboa-POR).

Istoé