menu

Cursos e Eventos

20/03/2013


O Sagrado e a Fé na Arquidiocese da PB

Leitura

 Vai ser lançado nesta quinta-feira, dia 21 de março, às 18h30, na Livraria Leitura, no Manaíra Shopping, em João Pessoa, o livro “O Sagrado e a Fé na Arquidiocese da Paraíba”, escrito pelo Vigário Geral da Arquidiocese da Paraíba, Mons. Virgílio Bezerra de Almeida. Ele também é professor de Teologia no Seminário Arquidiocesano e tem prestado serviços de Assessoria Pastoral às igrejas do Regional NE 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A publicação foi impressa pela Gráfica JB e tem 140 páginas.

O autor faz uma análise dos resultados obtidos em uma pesquisa de opinião realizada, no segundo semestre de 2011, em todo o território da Arquidiocese sobre a atuação da Igreja Católica na Paraíba. O questionário de 51 perguntas foi aplicado em espaços públicos (como feiras, escolas, filas de banco e praças) e também em residências. “Esperamos que a leitura desses dados suscite um maior interesse para introduzirmos instrumentos de consultas mais científicos na elaboração de nossas diretrizes e planos pastorais”, explica o Mons. Virgílio.

O livro tem comentários do Pe. João Batista Libanio: jesuíta, escritor e teólogo brasileiro. Ensina na Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, em Belo Horizonte. “Há dados intrigantes. As pessoas, além de valorizarem a religião, mostram-se, em geral, satisfeitas com a própria religião (86,58%) e consideram importante a pertença a ela (88,55%)”, explicita.

Para o arquiteto e professor da Universidade Federal da Paraíba, Dr. Cláudio Lins, a pesquisa é desafiadora. “Ela revela uma população que tem grande expectativa em relação à Igreja e aos padres, mas também é um documento instigante, que vai ajudar em futuros planejamentos em busca de atender às necessidades espirituais do povo de toda a Arquidiocese”, afirma. O superintendente do IBGE na Paraíba, Aniberto Mendonça, elogiou e apoiou o lançamento do livro. “Considero bastante emblemática a iniciativa da Igreja Católica da Paraíba ao se decidir por essa iniciativa ímpar de seus pastores, de se valer dos caminhos científicos da Ciência Estatística para realizar essa pesquisa, dando um testemunho eloquente da sua visão de futuro e definição de como pretende caminhar”, explica.

A pesquisa retrata o momento no qual foi aplicada. As reações e as possíveis leituras da pesquisa contemplam a diversidade das pessoas, situações e circunstâncias diferentes. “O diálogo com a sociedade plural implica na atitude serviçal como fez Jesus, o Servo do Senhor. O serviço solidário e fraterno comporta no anúncio explícito do Evangelho de Jesus e no testemunho dos valores que dele decorrem para a construção do Reino de amor, verdade, justiça e paz”, comenta o Arcebispo Metropolitano da Paraíba, Dom Aldo di Cillo Pagotto.