Blog do WS analisa qual será o impacto do impeachment de Dilma nas eleições da Paraíba - WSCOM

menu

Política

11/08/2018


Blog do WS analisa qual será o impacto do impeachment de Dilma nas eleições da Paraíba

Foto: autor desconhecido.

O jornalista e analisa político Walter Santos analisa, em novo post de seu blog, o impacto do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) nas eleições paraibanas deste ano.

Segundo o analista, há uma perspectiva de confronto entrem quem esteve ao lado de Dilma e Lula e os liados do Governo Temer.

Leia:

‘Afinal, como o saldo do Impeachment / Golpe pode ou não interferir na disputa eleitoral da Paraíba?

A campanha para Governo, Senado, Câmara Federal e Assembleia Legislativa já começou para valer nos bastidores, embora a visibilidade dos candidatos esteja em marcha ainda lenta porque tudo terá maior força quando do Guia Eleitoral no final do mês.

Enquanto os candidatos se arrumam, o eleitorado encara o processo eleitoral com certo ceticismo podendo conviver com a maior abstenção da história exatamente por conta da má imagem da classe política diante dos escândalos.

IMPEACHMENT, GOLPE, TEMER…

Na Paraíba, independentemente das grandes estratégias e estruturas de campanha há um clima de perspectiva de confronto entre quem esteve e está ao lado do significado de Lula/Dilma, especificamente as candidaturas do PSB/PT/PC do B/PDT, etc. frente ao outro campo aliado (ou ex) de Temer e companhia.

Na prática, o confronto não interessa ao conjunto composto pelo senador Cássio Cunha Lima, candidato Lucélio Cartaxo, José Maranhão, Aguinaldo Ribeiro, etc. por terem estado no campo da derrubada de Dilma e ascensão de Michel Temer e todo seu significado, mas esta será a pauta prioritária de Ricardo Coutinho, João Azevedo, Luiz Couto e Veneziano.

REPERCUSSÃO POPULAR

Esta pauta, aparentemente distante, já é sentida no Interior do Estado onde há reação popular sobre esta questão com manifestações contrárias à quem derrubou Dilma/Lula tratados de Golpistas.

A candidata Daniela Ribeiro já manifestou ao Portal WSCOM que não vai aguçar o confronto ideológico, mas mesmo que não queira, ela e Cássio, vão conviver com desconfortos a serem expostos no decorrer dos dias podendo, a depender do tamanho da reação, respingar nas candidaturas, mesmo bem estruturadas materialmente.

Não há como negar, por exemplo, que próximo deste contexto está o líder do Governo Temer, Aguinaldo Ribeiro.

SÍNTESE

A inserção de Luiz Couto na disputa do Senado traz Lula para a campanha da Paraíba e assim deve respingar influenciando nas eleições do Estado até porque ele é o maior eleitor do Nordeste.’