Vigilância prepara lista negra dos estabelecimentos que infringem normas de higi - WSCOM

menu

Paraíba

20/10/2005


Vigilância prepara lista negra dos

A Vigilância Sanitária prepara uma lista negra dos estabelecimentos comerciais flagrados em condições precárias de higiene. O gerente Ivanildo Brasileiro revelou a WSCOM Online que desde janeiro o órgão já recebeu 600 denúncias por parte da população – 70% delas foram confirmadas.

Os estabelecimentos denunciados incluem padarias, restaurantes e supermercados. Brasileiro explicou que a maioria das queixas diz respeito a produtos estragados ou mal acondicionados. “Carnes conservadas em temperaturas inadequadas e saladas expostas em restaurantes correspondem a maioria dos casos”, detalha.

O gerente antecipou que até dezembro deve divulgar a lista com estabelecimentos mais problemáticos. Até clínicas de estética e saúde vão figurar na relação.

Procedimentos – Brasileiro disse que a Vigilância Sanitária tem feito fiscalizações constantes. Os estabelecimentos flagrados praticando irregularidades recebem advertências. É dado um prazo que varia de 24h à 30 dias para as reformas necessárias. Caso as irregularidades continuem, é aberto um processo administrativo contra o estabelecimento, que pode culminar na interdição e até fechamento definitivo do local.

A Vigilância atualmente está concentrando forças em torno da vistoria de padarias. Brasileiro se diz otimista e acredita que até o final do ano todas as padarias da cidade de João Pessoa já terão sido vistoriadas.

Enquanto isso algumas ações estão sendo planejadas já para o próximo ano, mas ele prefere guardar sigilo sobre o assunto.