Vídeo mostra tentativa de resgate de preso que acabou com vigilante morto - WSCOM

menu

Policial

26/06/2018


Vídeo mostra tentativa de resgate de preso que acabou com vigilante morto

Envolvidos sabiam local e hora exata que preso iria fazer exames, segundo a Polícia Civil

Imagens de câmeras de segurança flagraram a ação de homens que tentaram resgatar um presidiário, enquanto ele era escoltado para fazer exames em uma clínica particular, no bairro da Prata, em Campina Grande. O caso aconteceu na manhã desta segunda-feira (25). Houve confronto e, no tiroteio, o vigilante da clínica – Diego Oliveira, de 23 anos – acabou sendo ferido e morreu. A Polícia Civil suspeita que seis homens participaram da ação.

O vídeo mostra que, minutos antes do preso chegar ao local com a escolta, os suspeitos que estavam em dois carros param o carro e ficam aguardando. Quando a escolta chega, os suspeitos entram em ação. Eles ainda chegam a bater no carro de uma mulher. A motorista desce do carro para ver o que aconteceu, momento em que começam os tiros. No momento, havia várias pessoas na rua, que se abrigaram por trás de veículos.

Os agentes penitenciários que faziam a escolta e o vigilante da clínica reagiram. Diego foi atingido com um tiro na cabeça, não resistiu ao ferimento e morreu ainda no local. O detento Gilmar Andrade dos Santos – do bairro José Pinheiro, condenado por tráfico de drogas – estava no porta-malas da viatura e não foi resgatado. O grupo que tentou fazer o resgate fugiu.

Segundo o delegado Luciano Soares, a forma como o caso aconteceu tem fortes indícios de que a tentativa de resgate foi premeditada. A Polícia Civil acredita que os envolvidos sabiam a hora exata e o lugar onde o preso faria o exame. De acordo com a Polícia Civil, a saída do preso havia sido autorizada pela justiça. O detento estava sendo escoltado.

Dois suspeitos foram detidos, com os carros usados na ação, e levados para a Central de Polícia. Familiares do detendo que seria resgatado também foram presos, por tráfico de drogas.

Da Redação com G1

Notícias relacionadas