Viatura da Polícia Civil colide com carroça e mata adolescente de 14 anos, em P - WSCOM

menu

Policial

13/04/2011


Viatura bate em carroça e mata jovem

Tragédia

Foto: autor desconhecido.

Um grave acidente no KM 333 da BR- 230, perímetro urbano na cidade de Patos, deixou um saldo de uma pessoa morta e duas feridas. Era por volta das 18h50, desta terça-feira (12), quando a viatura da Polícia Civil, de placas MNU 3513, dirigida pelo delegado Clenaldo Queiroz, colidiu frontalmente com uma carroça de burro que vinha no sentindo contrário na referida rodovia.

Na carroça vinham dois adolescentes, Maria Angélica dos Santos Oliveira, 12 anos, e seu irmão José Francisco dos Santos Oliveira, 14 anos, que morreu na hora após a forte colisão. Angélica foi levada para o Hospital Infantil Noaldo Leite em estado grave.

Já o delegado Clenaldo acabou se ferindo, mas sem gravidade. Mesmo assim, ele foi levado por uma equipe do Samu para o Hospital Regional de Patos. Ele passa bem, mas ficou bastante abalado.

De acordo com as primeiras informações prestadas pelo próprio delegado no local do acidente, ele vinha sozinho na viatura no sentido Sousa/Patos quando avistou a carroça que vinha na contramão.

Segundo o delegado, ele ainda tentou evitar a colisão freando o veículo, mas não foi possível. Devido à colisão frontal, a carroça foi atingida fortemente o que provocou a morte do garoto. Partes do veículo de tração animal ficaram espalhadas na rodovia.

O animal, um jegue, também morreu no local do acidente. Pedaços de restos de carnes que vinham sendo transportados na carroça ficaram espalhados no meio da pista.

Populares contaram que os garotos são residentes no Sítio Serrote em Patos e vinha do Matadouro Público de volta para casa. Familiares das vítimas estiveram no local e ficaram em estado de choque. A mãe dos garotos passou mal e foi levada para o HRP.

Policiais rodoviários federais estiveram no local para fazer a perícia. Policiais civis e militares também foram até o local e isolaram a área.

Na pista ficou a marca da frenagem do veículo que ficou parcialmente destruído. O laudo pericial deve sair nos próximos dias.

Notícias relacionadas