Vereadores pedem quebra do segredo de justiça do “caso Cuiá”; PMJP está tranquil - WSCOM

menu

Política

20/04/2011


Oposição quer ter acesso a “caso Cuiá”

No MP

Foto: autor desconhecido.

A bancada de oposição da Câmara Municipal de João Pessoa pediu ao procurador geral de Justiça da Paraíba, Oswaldo Trigueiro do Vale Filho, que solicitasse a quebra do segredo de justiça do “caso Cuiá”. O procurador geral da Prefeitura de João Pessoa, Geílson Salomão, disse que está extremamente tranquilo quanto a este caso e afirmou que a oposição está querendo criar factóides.

Os vereadores foram recebidos nesta quarta-feira, 20, pelo procurador e durante o encontro, entregaram um ofício solicitando ao procurador informações sobre investigações contra a Prefeitura de João Pessoa, entre eles, o caso Cuiá, que investiga possíveis irregularidades na desapropriação da Fazenda Cuiá, localizada no Valentina Figueiredo, Zona Sul de João Pessoa.

O líder da oposição na Câmara, vereador Fernando Milanez, classificou a reunião como muito boa e justificou o pedido para quebra do segredo de justiça alegando que a eleição já passou e esse foi o motivo alegado para que o processo não fosse tornado público.

O procurador, Geílson Salomão, estranhou o pedido dos vereadores, mas garantiu que a Prefeitura está extremamente tranquila com relação a investigação da desapropriação das fazenda Cuiá. Ele revelou ainda que a quebra do segredo de Justiça só pode ser promovida por uma autoridade judicial.

Milanez lembrou que foi solicitado ao Ministério Público, informações sobre denuncias da licitação da merenda escolar, do pagamento para empresa de segurança que presta serviço a Secretaria de Educação, além do caso Cuiá.

 

Notícias relacionadas