Vereador paraibano é vitima de golpe do falso sequestro - WSCOM

menu

Policial

18/06/2018


Vereador paraibano é vitima de golpe do falso sequestro

Nas redes sociais, o vereador desabafou: “Aqui acaba meu São João. Retorno em paz para os braços dos meus familiares depois de um ato de covardia”, contou o vereador

Foto: autor desconhecido.

O vereador de Alagoa Nova, Ícaro Teixeira (MDB), recebeu um telefonema assustador na madrugada desta segunda-feira, 18. Eram seus pais, desesperados, dizendo que estavam na Delegacia de Polícia para denunciar o suposto sequestro do parlamentar.

Tudo isso não passava de uma estratégia de bandidos que haviam ligado para anunciar o crime e cobravam dinheiro para o resgate.

Seus pais, temendo pela integridade do filho, permaneceram mais de 10 horas sob forte pressão psicológica, ao mesmo tempo que a mãe era mantida em uma conferência telefônica com os criminosos que a fizeram acreditar que o filho estava em apuros e que seria necessário pagar para “libertá-lo”.

A apreensão dos pais de Ícaro Teixeira foi motivada pela ausência de contato com o filho, que estava numa festa de são João e sem acesso ao telefone. Segundo o vereador, depois dos festejos com os amigos, no momento em que retornava ao estacionamento para buscar o veículo e seguir para o município de Alagoa Nova, ao ligar o aparelho de celular, surgiram várias ligações de familiares aflitos. Ao retornar as ligações, o pai do vereador informou que estava na Central de Polícia de Campina Grande registrando o Boletim de Ocorrência.

Nas redes sociais, o vereador desabafou: “Aqui acaba meu São João. Retorno em paz para os braços dos meus familiares depois de um ato de covardia”, contou o vereador.

Notícias relacionadas