Vale quanto pesa: Procon notifica apenas um estabelecimento durante inspeção nas - WSCOM

menu

Economia & Negócios

27/03/2006


Vale quanto pesa: Procon notifica

No último fim de semana o Procon Municipal de João Pessoa iniciou uma rodada de fiscalização nas balanças dos restaurantes a quilo da capital. Apesar das queixas constantes dos consumidores, dos 30 restaurantes vistoriados em apenas um a balança estava desregulada. “Mesmo assim a diferença foi pequena: de apenas um grama”, revelou Sandro Targino, coordenador do Procon/JP.

Para Targino, o fato foi uma ‘agradável surpresa’ e parece anunciar que os fornecedores estão percebendo a importância da honestidade nas relações de consumo como forma de fidelizar o cliente. “O futuro é esse: respeito entre as partes, a harmonização das relações de consumo”, comemora.

Notificações – Enquanto com as balanças até agora está tudo bem, as informações sobre o preço apresentaram problemas na grande maioria dos estabelecimentos. Segundo Targino, em muitos locais não havia placas com a indicação do preço e quando havia continha os valores referentes a apenas 100g e não do quilo, como deveria ser.

Ele disse que quando se coloca o valor das 100g fica parecendo que está mais barato do que realmente está e o fato foi detectado na maioria dos locais visitados. Isso está determinado no Artigo 6 do Código de Defesa do Consumidor.

“O consumidor muitas vezes precisava passar pelo constrangimento de ir ao fundo do estabelecimento para perguntar o preço”, diz.

O peso da tara e os preços de todos os produtos oferecidos precisa estar em local visível já na entrada do restaurante. O restaurante é notificado e tem 72h para se adequar. Se a falha não for corrigida a multa pode chegar a 23 milhões de UFIRs.

Notícias relacionadas