UEPB investiga suspeita de assédio e de "notas frias" no Campus de Monteiro - WSCOM

menu

Paraíba

28/04/2011


Denúncia de fraude na UEPB de Monteiro

Foto: autor desconhecido.

A reitora da Universidade Federal da Paraíba (UEPB), Marlene Alves, determinou à Comissão Permanente de Inquérito Administrativo – CPIA, instaurar Sindicância relativa ao processo nº 10.045/2010, a fim de apurar suspeitas de falsificação de notas fiscais, concernentes a “autorização para fornecimento de combustível da frota de veículos do Campus VI da UEPB de Monteiro.

Há meses a diretoria do SINTESPB/UEPB vem recebendo denúncias de abusos cometidos no Campus VI da UEPB, que é dirigido pelos professores José Joelson Pimentel e Otacílio Gomes.

Entre as denúncias, além da suspeita de falsificação de notas fiscais, existem acusações de assédio moral e até o impedimento de que servidoras entrem no Campus.

A portaria assinada pela Reitora do Campus de Monteiro, que possui os cursos de Ciências Contábeis, Licenciatura em Letras e Licenciatura em Matemática, é datada do último dia 04 de abril e entrou em vigor na data de sua publicação.

Para Severino do Ramo (Raminho), representante do Sindicato, as denúncias são muito sérias e por esse motivo a direção está preservando o nome dos servidores denunciantes.

“Se confirmadas às denúncias o sindicato não poupará esforços para punir os responsáveis. Acionaremos nosso departamento jurídico para defender os interesses desses trabalhadores, pois assedio moral é crime e desvio de recursos públicos nem se fala”, conclui Raminho.

Notícias relacionadas