TSE anula direito de voto de eleitora do Nordeste regularizada ano passado - WSCOM

menu

Política

05/10/2018


TSE anula direito de voto de eleitora do Nordeste regularizada ano passado

Foto: autor desconhecido.

A eleitora Juliana Almeida, residente em João Pessoa, denunciou nesta sexta-feira (5) um fato arbitrário do Tribunal Superior Eleitoral, que teria anulado o seu direito de voto mesmo com a situação eleitoral regularizada e o cadastro biométrico realizado.

O documento de quitação eleitoral foi expedido em Cartório Eleitoral ano passado, conforme documentos anexos, e o titulo de eleitor já com cadastro biométrico.

Veja:

Segundo informações da imprensa nacional, 3,36 milhões de títulos eleitorais foram cancelados e quase metade deles (1,5 milhão, ou 44,7%) pertence a sete dos nove Estados da região. Na Bahia, 586.333 eleitores não poderão votar daqui a dez dias por não terem comparecido à revisão eleitoral. Em seguida, aparecem o Ceará (234.487), Maranhão (216.576), Pernambuco (150.260), Paraíba (123.885), Piauí (100.260) e Rio Grande do Norte (92.663).