TRT convida cerca de 50 instituições para audiência pública - WSCOM

menu

Paraíba

28/06/2018


TRT convida cerca de 50 instituições para audiência pública

Evento é aberto ao público e vai contribuir para construção das Metas Nacionais do Poder Judiciário

Foto: autor desconhecido.

Você está satisfeito com a Justiça do Trabalho? Deseja apresentar sugestões? Nesta quinta-feira (28) o Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região) realizará audiência pública para ouvir várias instituições em busca da melhoria dos serviços prestados, principalmente, a redução no tempo de tramitação dos processos.

Será realizada no auditório da Escola Judicial do Tribunal do Trabalho da Paraíba (EJud), às 9h. A escola fica no Centro do Saber e da Cultura do TRT13, na avenida Dom Pedro I, no centro de João Pessoa.

O TRT da Paraíba convidou representantes de cerca de 50 instituições como Governo do Estado, Tribunal de Justiça, Assembleia Legislativa, Câmara Municipal de João Pessoa, Tribunal de Contas, Governo Federal, Poder Judiciário Federal, Ministério Público, federações, sindicatos e várias outras entidades para a audiência Pública.

A audiência pública é aberta a todos os setores da sociedade e entidades representativas. Mesmo não tendo recebido convite, podem participar.

Metas Nacionais do Poder Judiciário

O objetivo é construir as Metas Nacionais do Poder Judiciário com direção a uma gestão judiciária mais transparente, transversal e inclusiva. O evento começa já com a Audiência Pública. Depois, vai prosseguir com aulas ministradas pelo desembargador Wolney de Macedo Cordeiro, vice-presidente e corregedor do TRT, e pelos juízes auxiliares da presidência e vice-presidência, Marcello Maia e Adriano Dantas, para o público formado pelos membros do Comitê Gestor do Planejamento Estratégico, magistrados, diretores das áreas Administrativas e Judiciárias, além dos gestores dos projetos e processos estratégicos. O evento tem como tema “Encontro de Gestão de Processos, a Justiça que queremos”, que acontece em sua segunda edição.

A primeira parte, intitulada “Gestão Administrativa das Varas” será apresentada pelo desembargador Wolney Cordeiro, e a segunda parte, com o mesmo tema, será ministrada pelos juízes Marcello Maia e Adriano Dantas. As aulas vão apresentar temas como tomadas de decisões estratégicas e administrativas com impactos nas Metas do Conselho Nacional de Justiça, Conselho Superior da Justiça do Trabalho e Projeto Estratégico Institucional do TRT da Paraíba (PEI-TRT13); manutenção de Varas do Trabalho; uso de ferramentas de gestão; gestão de riscos; uso da liderança gerencial; novo Fórum de João Pessoa e uso de suprimentos de fundo.

O Encontro será encerrado com a realização da 2ª Reunião da Avaliação Estratégica – RAE 2018.

Números

De acordo com o assessor de Gestão Estratégica do TRT, Max Frederico, “as ações de gestões participativas, se bem aplicadas, direcionam o Regional para uma gestão participativa e colaborativa como deseja o CNJ, e essa boa gestão deve se refletir nos indicadores do PEI com reflexos nos indicadores dos Conselhos Superiores”, disse, destacando que os números estatísticos do Regional em 2017 foram bastante satisfatórios, quando o Tribunal atingiu 6 das 7 metas estabelecidas pelo CNJ e obteve o maior Índice de Alcance das metas do CSJT entre os regionais trabalhistas do Brasil.

Para Max Frederico, muitas ações foram e estão sendo desenvolvidas no sentido de manter e melhorar a performance perante os Conselhos Superiores. E com o objetivo de associar os gestores para uma melhor gestão, o desembargador Wolney Macedo decidiu pela realização do 2º Encontro de Gestão de Processos, a Justiça que queremos, desta vez abrindo espaço à sociedade para discutir sobre as Metas do Poder Judiciário para o ano de 2019, por meio de aula expositiva e informações sobre Governança a todos os gestores do Regional.

Notícias relacionadas