Tragédia no Rangel: menino deixa UTI do Trauma e vai ser cuidado por tios - WSCOM

menu

Policial

12/07/2009


Tragédia no Rangel: menino deixa

O garoto Rian dos Santos, 6 anos, que sobreviveu à chacina ocorrida no bairro do Rangel, deixou a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital de Emergência e Trauma na manhã deste domingo. Ele seguiu para a enfermaria do hospital.

Segundo informações do hospital, Rian ficará sob cuidados de tios, que também estão tomando conta do irmão dele, Tirciano, outro sobrevivente à tragédia.

Tanto Rian quanto Tirciano estavam na casa dos pais no momento do ataque. Os vizinhos Carlos José e Edileuza Santos, munidos de facão, entraram na residência de madrugada e atacaram a família. Ao todo, morreram sete pessoas: o pai, Moisés, a mãe, Ivanize, os filhos Raquel, Raíssa e Raí, além de dois bebês, gêmeos, que Ivanize esperava em seu quarto mês de gestação.

Tirciano não sofreu ferimentos na chacina porque se escondeu embaixo da cama e não conseguiu ser visto pelos agressores. Rian foi ferido no pescoço, mas já está fora de perigo.

Os assassinos estão presos. Carlos José foi levado ao isolamento do presídio do Roger e já está ameaçado de morte pelos demais detentos. Já Edileuza foi levada ao presídio feminino “Bom Pastor” e parece já estar na mira das apenadas.
 

Notícias relacionadas