Opinião: Cabedelo convive com manobras afetando sucessão e deve mudar prefeito; Vitor Hugo é favorito - WSCOM

menu

Política

29/11/2018


Opinião: Cabedelo convive com manobras afetando sucessão e deve mudar prefeito; Vitor Hugo é favorito

Foto: autor desconhecido.

Em nova coluna publicada em seu blog no Portal WSCOM, o jornalista Walter Santos apresenta uma análise atualizada em relação a sucessão no comando do município de Cabedelo, que em março elegerá sucessor do prefeito eleito Leto Viana, afastado e preso. O prefeito em exercício, Vitor Hugo, se mantém favorito num processo que convive com manobras na Câmara Municipal de mudar o comando da prefeitura em Janeiro.

Confira o artigo:


Cabedelo convive com manobras afetando sucessão podendo mudar prefeito; Vitor Hugo é favorito


Os últimos fatos registrados na Câmara de Vereadores de Cabedelo diante da vereadora, Geusa Ribeiro, buscando construir nova realidade política de ascensão de novo comando de prefeito, a partir de Janeiro traduz bem a força dos bastidores e dos interesses em torno da terceira mais rica arrecadação do Estado.

 

Cabedelo é estratégico, tem história incomum, convive com belezas naturais diferenciadas e conta com um povo pacato e ordeiro inserindo as bandas ricas e pobres. Por uma série de fatores é ambiente a atrair muitos interesses.


DEPOIS DO BREU

O saldo da “Operação Xeque Mate” construiu muitas novidades ruins com direito a muitas prisões, cassações e até o surgimento inesperado do atual prefeito em exercício, Vitor Hugo.


De estilo duro, focado em politicas de resultados, Vitor Hugo é uma novidade positiva dos últimos tempos em Cabedelo, mas nem por isso deixa de suscitar Oposição por vários fatores, inclusive a importância geográfica e política da cidade.


REALIDADE A CURTO PRAZO

Em pouco tempo, o prefeito já granjeou muitas ações importantes e reconhecidas, da mesma forma consolidou apoios políticos importantes , a partir do governador Ricardo Coutinho seguido de João Azevedo. Isso dimensiona o olhar apurado do candidato à reeleição porque não ele perde tempo.


A CENA SOCIAL DECISIVA

Poucos vêem, mas o WSCOM acompanha o trabalho de maior efeito politico e eleitoral nas classes baixas do município liderado pela advogada Chyntia Cordeiro, incansável e talentosa na forma de cuidar da baixa renda.


Secretária da área Social, ela cumpre papel muito importante para neutralizar o trabalho de Dona Eneida, ex-candidata e líder popular inconteste. Tudo à base de estratégias humanas.


Vitor Hugo deu sorte em chamá-la para perto e precisa saber manter o estímulo até porque é aliada e amiga da mãe e da esposa.


OS ADVERSÁRIOS

Em Cabedelo, popularmente o contra ponto é Eneida sem segunda. Mas há quem veja problemas legais para ela ser candidata pelo ingresso fora de tempo partidário.


No contexto, já sugiram os nomes de pastora evangélica Morgana Macedo – nome considerado forte do PSL, de Bolsonaro, cuja incógnita não assusta Vitor Hugo a dados de hoje.


A disputa traz ainda o nome de Janderson Brito, do PSDB, Marcos Patricio, do PSOL e de Cláudio Lucena, nomes identificados com a cidade mesmo assim sem ameaçar ainda o prefeito.


SÍNTESE

A disputa projeta maior enfrentamento de janeiro em diante, por isso se faz preciso aguardar se haverá mudança no comando da prefeitura, entretanto, a dados do final de novembro o cenário se apresenta favorável ao atual prefeito.


Seu desafio é manter e ampliar o eleitorado favorável ao seu projeto.