Identificado paciente que morreu durante incêndio na UPA de Campina Grande - WSCOM

menu

23/11/2018


Identificado paciente que morreu durante incêndio na UPA de Campina Grande

Foto: autor desconhecido.

Já está confirmada a morte de um homem durante o incêndio ocorrido na Upa de Campina Grande, na manhã desta sexta-feira, 23, embora a Secretaria de Saúde tenha dito que o falecimento de Francisco Ramos da Silva, 31, não tenha relação com o fato.

As informações da Secretária de Saúde, Luzia Pinto, dão conta que Francisco estava sendo atendido na ala vermelha quando aconteceu o incêndio.

Segundo ela, o homem tinha tuberculose e teve parada cardíaca quando equipamento apresentou problemas e houve um curto circuito que provocou o incêndio.

Uma funcionária da UPA disse à imprensa que houve um estouro e que as pessoas saíram correndo.
Nas redes sociais existe um vídeo mostrando um paciente sendo atendido na calçada da UPA, na tentativa de fazer voltar o homem retornar após uma suposta parada cardíaca. Não se sabe se essa pessoa é a que faleceu durante o incêndio.

A médica Maria Augusta, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), informou sobre o quadro de saúde dos pacientes que estavam na UPA Dinamérica no momento do incêndio, em Campina Grande.

Segundo ela, um dos pacientes que estavam na Ala Vermelha veio a óbito. Outra paciente, também da Ala Vermelha, teve o quadro agravado por conta da inalação de fumaça. Ela foi entubada e encaminhada para o Hospital de Trauma.

Os demais pacientes do local foram levados para a UPA do Alto Branco.

O Diretor Clínico da UPA, Dr. Luciano, foi até a 4° do Catolé, para fazer um BO.