Justiça estadual revoga prisão preventiva do comunicador Fabiano Gomes - WSCOM

menu

Paraíba

26/09/2018


Justiça estadual revoga prisão preventiva do comunicador Fabiano Gomes

Foto: autor desconhecido.

Nesta quarta-feira (26), o Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba julgou o recurso interposto pela defesa do comunicador Fabiano Gomes e revogou a prisão preventiva do mesmo. Dos 15 desembargadores presentes, dez votaram favoráveis, e dois contra. Houve dois pedidos de suspensão e uma abstenção. Com a decisão, Fabiano retorna a liberdade e deve cumprir novamente medidas cautelares.

“O estado de saúde de Fabiano Gomes é preocupante. Ele deverá se internar imediatamente. O tribunal de justiça entendeu que havia a necessidade de intimação previa de Fabiano para apresentar justificativa, e em razão disso, acolheu o nosso recurso”, explicou o advogado de defesa Rembrandt Asfora.

Fabiano Gomes está preso desde o dia 22 de agosto no presídio de segurança máxima, o chamado PB1, em João Pessoa, em regime de prisão preventiva. Ele é acusado na Operação Xeque-Mate de intermediar a compra do mandato do então prefeito de Cabedelo, Luceninha, por seu vice Leto Viana.

 

Notícias relacionadas