Bolsonaro chora e critica PF por ver seu agressor agindo sozinho - WSCOM

menu

24/09/2018


Bolsonaro chora e critica PF por ver seu agressor agindo sozinho

Foto: autor desconhecido.

Na primeira entrevista dada pelo presidenciável após o atentado, Bolsonaro muda o foco: critica o relatório da PF que diz que seu agressor agiu sozinho e ignora o fato de ter estagnado nas pesquisas eleitorais.

Não acredito que ele agiu sozinho, ele não é tão inteligente assim. Ele foi para cumprir a missão, me tirando de combate, os três próximos candidatos são todos parecidos”, criticando o relatório da PF que diz que o Adélio agiu sozinho no ataque.

Ele ainda defendeu penas mais duras como forma de frear a criminalidade.

“Estou vivo por milagre. Quem comete um crime precisa ser punido conforme a lei e sem dar ouvidos para entidades de direitos humanos. Eles falam que preso vive em más condições, mas em más condições estaria a minha família se eu tivesse morrido”, disse o candidato.