Blog de Walter Santos analisa reconstrução de Pacto contra extremismo envolvendo FHC - WSCOM

menu

20/09/2018


Blog de Walter Santos analisa reconstrução de Pacto contra extremismo envolvendo FHC

Foto: autor desconhecido.

O Brasil começa a reconstruir novo Pacto a partir da adesão sistemática de setores fundamentais do Centro e da Direita negando a opção pelo radicalismo. É o que revela o Blog de Walter Santos analisando posições como as de FHC contra extremismo.

Eis a sintese da analise:

 

O histórico da radicalização da Ultra Direita e o apelo no Brasil de união de todos pela Democracia

O Brasil deste setembro esquisito de 2018 traz consigo a reflexão sobre a realidade de conflitos ideológicos com base econômica e falsa conduta moral a exigir melhor compreensão de que a radicalidade começa a enfrentar o bom senso e o pacto de não adesão ao extremismo politico.

Esta síntese de entendimento e lógica politica começa a mobilizar os setores centrados da opinião pública do País decidindo-se por um pacto no qual as diferenças politicas e partidárias não sejam maiores do que a construção de uma nova fase econômica e social do Brasil nunca extremada.

BOLSONARO, FHC E TODOS

A rigor, é o candidato Jair Bolsonaro quem produz a necessidade de um Pacto entre as forças democráticas envolvendo até mesmo os que foram a favor do Impeachment porque, abstraindo realidade e conflitos, nada é maior do que a manutenção da democracia no País.

Por incrível que pareça é a essência radical de Bolsonaro e seus seguidores quem motivam a reconstrução de diálogos envolvendo PT é PSDB – apenas como referência – chancelado pelo ex-presidente tucano FHC admitindo apoiar Haddad.

É a responsabilidade histórica quem se impõe já atraindo todos os centrados para a mesma cumplicidade anti radicalismos.

SINTESE

O susto que as manifestações de Bolsonaro tem dado com o tamanho de gente nas ruas só não é maior de que, apesar dos interesses da Ultra Direita e do Rentismo, o Brasil caminhar para nova construção democrática, até porque Haddad ajuda.

Por incrível que pareça, o Brasil tem futuro pelos caminhos democráticos.
Ruptura jamais. O voto é o senhor da razão.

Notícias relacionadas