Luís Torres diz que Ranking da PB em 6º lugar se assemelha a quase 80% de aprovação do Governo - WSCOM

menu

Política

19/08/2018


Luís Torres diz que Ranking da PB em 6º lugar se assemelha a quase 80% de aprovação do Governo

Foto: autor desconhecido.

– Encaixa-se perfeitamente com a aprovação do povo paraibano em quase 80% à gestão do governo do Estado. Encaixa-se perfeitamente com a autoestima do paraibano diante de estados do Sul, Sudeste e até “irmãos ricos” do Nordeste do Brasil. Hoje, diante de qualquer estado brasileiro, a palavra Paraíba vem precedida de um “parabéns”. O nosso Oxente, finalmente, venceu”, assim sintetizou o secretário de Comunicação, Luis Torres, ao repercutir o 6º lugar da Paraíba no ranking nacional da Folha de São Paulo como gestão eficiente.

Ele disse mais em contato com o Portal WSCOM:

– E por falar em eficiência…

Quantos títulos serão necessários para que se entenda que não há como brigar com a realidade? Muito menos, ameaçar desmancha-la. A Paraíba, que já havia sido recentemente considerada o décimo estado mais competitivo do Brasil, o sétimo que com melhor situação fiscal, o segundo com maior investimento em Infra-Estrutura, entre outros índices, hoje recebeu o título de sexto estado mais EFICIENTE do País, com base em análise da gestão dos governos estaduais realizado pela Folha de São Paulo, em parceria com o Instituto DataFolha, um dos mais acreditados do País”.

Ele lembrou que “no Nordeste, aparecemos em segundo lugar. Nacionalmente, superamos a média nacional do RANKING de EFICIÊNCIA DOS ESTADOS, e mostramos como se faz mais em gestão pública com menos receita a estados do porte de Minas Gerais, Ceará e Rio Grande do Sul”.

BASE DE TUDO – Conforme explicou, o “Título que se encaixa e se conecta, perfeitamente, com o momento atual da vida dos paraibanos, que usam hoje melhores estradas, melhores escolas, melhores hospitais, entre outros serviços, e possuem mais acessos aquilo que antes não tinham”.

E adiantou: – Encaixa-se e conecta-se com o pequeno, médio e grande investidor que atua na Paraíba e percebe como ela se mantém, apesar da crise nacional, economicamente ativo, gerando emprego, mantendo salários do funcionalismo, estimulando as relações comerciais, em suma, mantendo o dinheiro circulando.

COM AZEVEDO – Luis Torres lembrou que “a propósito, não é à toa, portanto, que a dupla DECÊNCIA e EFICIÊNCIA proclamada pelo governador Ricardo Coutinho ao anunciar a essência do projeto político que compõe tem sido o resumo da chapa encabeçada pelo ex-secretário João Azevedo, construtor dessas conquistas e garantia do compromisso em mantê-las e aprimorá-las”.

Disse mais:

– Ora, nada mais decente e eficiente do que, usando recursos públicos a menos, conseguir levar o máximo de entrega do serviço público às pessoas, aos cidadãos. Nada mais decente e eficiente do que fazer mais para o povo mesmo tendo menos dinheiro em caixa. E ainda declarou: – Nada mais decente e eficiente do que dizer as verdades quando elas precisam ser ditas, evitar dizer sim quando ele não pode ser realizado. Nisto tudo, Ricardo Coutinho atingiu a excelência.

MAIS  RESULTADOS – Ao final declarou que “são muitos outros os títulos e índices que a Paraíba alcançou ao longo destes oito anos. Neste período, fomos o único estado do Brasil a reduzir sem interrupção o número de homicídios, atingimos a menor taxa de mortalidade infantil do Nordeste, o maior PIB Percapta da Região, a maior renda domiciliar média e a segunda menor taxa de desocupação. Distanciando-a de um tempo de ineficiência, poucos resultados sociais e de certa ( ou muita) indecência.

E concluiu: – Quantos outros títulos virão de uma gestão como esta só o tempo dirá. O mais importante é que cada paraibano e paraibana já vem se beneficiando com eles diariamente desde 2011. Estão convictos que deverão defende-los com unhas e dentes quando chegar a hora da decisão final.

Notícias relacionadas