Após CRM constatar irregularidades e ameaçar interdição, Maternidade Frei Damião anuncia reforma; confira - WSCOM

menu

Paraíba

12/03/2019


Após CRM constatar irregularidades e ameaçar interdição, Maternidade Frei Damião anuncia reforma; confira

O Conselho Regional de Medicina constatou os problemas após uma fiscalização.

Na imagem, a Maternidade Frei Damião

O Conselho Regional de Medicina da Paraíba (CRM-PB) constatou que Maternidade Frei Damião, localizada no bairro Cruz das Armas, em João Pessoa, tem irregularidades e ameaçou fazer uma interdição ética caso não sejam solucionadas no prazo de 90 dias. 

 

O CRM encontrou os problemas após uma fiscalização. Entre eles estão: superlotação, higiene precária, falta de conservação predial, falta de roupas, de cama e vestuário para pacientes e profissionais, e enfermarias sem ventilação e quentes.

 

Em nota, a Maternidade afirmou que está funcionando em sua capacidade total e que está prevista uma grande reforma que deve iniciar nos próximos meses. Para que não haja suspensão no atendimento, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) está buscando um prédio que comporte a estrutura da maternidade para funcionar enquanto é realizada a reforma.  

 

FISCALIZAÇÃO E POSIÇÃO DO CONSELHO

O Conselho informou que a vistoria foi motivada por denúncias de pacientes e acompanhantes. O relatório sobre a fiscalização deve ser encaminhado à direção do hospital, à SES e ao Ministério Público da Paraíba.

De acordo com o diretor de fiscalização do Conselho, João Alberto Pessoa, as irregularidades observadas foram apresentadas à SES, que se comprometeu a solucionar a situação em 90 dias.

Com informações Assessoria
Portal WSCOM