Terminal do Valentina vira realidade graças a emendas de vereadores - WSCOM

menu

09/05/2018


Terminal do Valentina vira realidade graças a emendas de vereadores

Foto: autor desconhecido.

O presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), Marcus Vinícius (PSDB), e os vereadores Marmuthe Cavalcanti (PSD) e Dinho (PMN) comemoraram o anúncio do projeto de construção do Terminal de Integração do Bairro Valentina de Figueiredo. Para os parlamentares, que há mais de um ano cobram, ao lado da população, a construção deste equipamento, a notícia é a prova de que a “Emenda Cidadã” (Orçamento Impositivo) é um avanço significativo para João Pessoa.

“Fiquei feliz, bem como os vereadores Dinho e Marmuth, pelo fato de o prefeito entender que este Terminal de Integração é de extrema importância para a mobilidade em nossa capital e registro que se não fosse a participação popular, não estaríamos comemorando mais esta vitória que é importante não apenas para o bairro, mas para esta verdadeira ‘cidade’ que é o Valentina de Figueiredo”, avaliou o presidente da CMJP.

Cada um dos vereadores destinaram emendas no valor de R$ 100 mil para a obra, somando R$ 300 mil para tirar do papel um velho sonho da população do Valentina de Figueiredo.

Câmara abriu as portas para moradores

Em agosto de 2017, os vereadores receberam integrantes do Grupo Comunitário de Mobilidade Urbana do Valentina e lideranças do bairro, que solicitaram apoio da Câmara para que a obra pudesse ser realizada. Já em setembro, o parlamentares discutiram com a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) do Município, os detalhes do projeto.

Na sequência, em outubro, os parlamentares municipais apresentaram ao prefeito Luciano Cartaxo (PV), em audiência no Centro Administrativo Municipal com a presença da população, técnicos da Semob e empresários, um esboço de projeto para o terminal (orçado em R$ 2 milhões), mas o prefeito informou não dispor de recursos no momento. Entretanto, o chefe do Executivo elogiou a iniciativa dos vereadores e da comunidade.

Na na última terça-feira (8), foi realizada uma reunião para apresentação do projeto com a participação de diretores da Semob, representantes dos consórcios do transporte coletivo urbano Unitrans e Navegantes, além do deputado federal André Amaral (Pros). O projeto do novo terminal de integração está orçado em R$ 3 milhões.