Terça-feira inédita na Alemanha: quatro partidas iniciam decisão das oitavas - WSCOM

menu

Internacional

20/06/2006


Terça-feira inédita na Alemanha: quatro

Eliminadas, Costa Rica e Polônia jogam para cumprir tabela e manter a honra. Alemanha e Equador duelam de olho na liderança do grupo ou quem enfrentará a Inglaterra nas oitavas. Sonhando com uma vaga, Trinidad e Tobago pega o eliminado Paraguai. Já Suécia e Inglaterra se enfrentam pela liderança do Grupo B.

Costa Rica x Polônia

Já fora da disputa por uma vaga na próxima fase da Copa do Mundo, Costa Rica e Polônia entram em campo nesta terça-feira, às 11h, em Hannover, apenas para cumprir tabela.

Diante da fraca campanha das duas equipes, que perderam as duas primeiras partidas, costarriquenhos e poloneses esperam, ao menos, se despedir do Mundial da Alemanha com uma vitória.

Apontada com uma das favoritas para se classificar no grupo A, a Polônia decepcionou. Na estréia, perdeu para o Equador por 2 x 0, e no jogo seguinte caiu diante da anfitriã Alemanha por 1 x 0, com um gol de Neuville aos 46 minutos do segundo tempo.

Podendo ser a última partida no comando da Seleção Polonesa, o treinador Pawel Janas está disposto a não poupar nenhum jogador. Dessa forma, o mais provável é que a equipe que enfrentou a Alemanha na última rodada seja mantida, não dando chance assim para alguns jogadores que ainda não foram utilizados no torneio. AP

Costa Rica e Polônia se despedem da Copa do Mundo da Alemanha

Alemanha x Equador: a liderança ou a Inglaterra

Alemanha e Equador decidem nesta terça-feira os rumos do grupo A da Copa do Mundo, a partir das 11h (de Brasília), no Olympiastadion, em Berlim. Já classificadas, as duas equipes duelam agora pela liderança da chave, o que decidirá entre uma caminhada mais confortável ou um caminho mais turbulento no mata-mata.

As previsões mais pessimistas colocam, já nas oitavas-de-final, a forte Inglaterra no caminho do time que sair derrotado na partida de Berlim. Isso porque os dois classificados do grupo A cruzam com os do grupo B nas oitavas.

Até agora, vantagem do Equador, que joga pelo empate para ficar em primeiro no grupo A. a Alemanha tem que vencer para ser o melhor da chave.

O grupo B também se decide nesta terça, com dois jogos às 16h. Os ingleses, já classificados, precisam apenas de um empate com a Suécia para ficar na ponta. Vantagem considerável, já que o empate também serviria aos suecos, que garantiriam a vaga em segundo lugar.

A terceira equipe com chances é Trinidad e Tobago, que pega o eliminado Paraguai, precisa vencer e torcer por vitória inglesa.

Segundo o técnico da Alemanha, Jurgen Klinsmann, escolher o adversário das oitavas-de-final não faz parte dos planos de sua equipe. “Realmente não nos importamos. Uma vez que você passa para a fase eliminatória, será difícil seja qual for o adversário“, afirmou.

O Equador segue o mesmo raciocínio, e ainda confirma na prática que não está muito preocupado e “ajeitar“ os futuros cruzamentos. Afinal de contas, o técnico Luis Fernando Suárez deve poupar os atletas fisicamente mais desgastados ou pendurados com um cartão.

São os casos dos atacantes Agustín Delgado e Carlos Tenório e do zagueiro Iván Hurtado. De toda forma, um empate basta para os sul-americanos assegurarem a liderança do grupo A, já que têm melhor saldo de gols que os alemães.

Trinidad e Tobago x Paraguai

Esperando que aconteça um milagre, os jogadores de Trinidad e Tobago entram em campo nesta terça-feira, às 16h (de Brasília), pensando em vencer o eliminado Paraguai, fazer um saldo de gols e torcer para que a Inglaterra, no mesmo horário, bata a Suécia.

O jogo entre caribenhos e sul-americanos acontece em Kaiserslautern, no Fritz-Walter Stadium, e é válido pela terceira rodada do Grupo B da Copa do Mundo.

Ex-colônia inglesa, Trinidad e Tobago mais do que nunca precisará do apoio da Inglaterra para conseguir o histórico feito de classificar-se as oitavas-de- final. Com 1 ponto, Trinidad precisa vencer e descontar um saldo de três gols em relação à Suécia, que tem 4 pontos.

Enquanto os ingleses, com 6 pontos, estão classificados e brigam pelo primeiro lugar, os paraguaios, com nenhum ponto em dois jogos, só almejam uma despedida honrosa.

O técnico Leo Beenhakker aposta as fichas na experiência de Dwight Yorke, e também no bom relacionamento com o ingleses para conseguir a classificação.

Em campo, apenas uma modificação em relação a derrota por 2 x 1 para a Inglaterra. Expulso na primeira rodada, o zagueiro Avery John pode voltar a equipe no lugar o agora lesionado Gray. Outra opção é a entrada de Jones.

Suécia e Inglaterra se enfrentam pela liderança

As duas seleções favoritas para ficarem com as vagas do Grupo B da Copa do Mundo duelam nesta terça-feira, às 16h (de Brasília), em Colônia, pela liderança da chave e o direito de teoricamente pegaram o adversário mais “fraco” nas oitavas-de-final, vindo do Grupo A – Alemanha e Equador já estão classificados.

Aliás, ingleses e suecos entrarão em campo já sabendo o que poderá acontecer no cruzamento das chaves. A Inglaterra já está classificada; a Suécia ainda pode perder a vaga para Trinidad e Tobago, que enfrenta o Paraguai. AP

Rooney, que está ao lado de Beckham, começa jogando pela 1ª vez na Copa

Um empate beneficia as duas seleções: garante a Suécia nas oitavas e assegura o primeiro lugar à Inglaterra. Uma vitória sueca dará, conseqüentemente, o primeiro lugar, pois com 4 pontos, ultrapassaria a Inglaterra que tem 6. Trinidad, com 1 ponto, depende de uma vitória inglesa e de uma vitória sobre o Paraguai.

A Suécia defende um tabu de 38 anos sem perder para a Inglaterra. A última vez foi em 1968, em jogo que terminou em 3 x 1 para os ingleses. De lá para cá, foram 3 vitórias suecas e 6 empates, em nove confrontos entre os países.

Neste jogo, o técnico sueco Lars Lagerback não poderá contar com um dos principais jogadores do time. O atacante Ibrahimovic está com um problema no púbis e desfalca a seleção Escandinávia.

O ataque será composto por Allbäck e Larsson. Outro destaque sueco será o meia Ljungberg que marcou no final do jogo contra o Paraguai o gol que dá a vantagem do empate neste jogo na disputa da vaga com Trinidad e Tobago.

Os ingleses, dirigidos pelo sueco Sven-Goran Eriksson, devem poupar o atacante Peter Crouch e o meia Gerrard, ambos advertidos com um cartão amarelo (na Copa, a suspensão é com dois acumulados) pensando nas oitavas- de-final.

O lateral Gary Neville, com uma lesão na panturrilha, está fora do jogo. Já Lampard, que também levou um cartão amarelo, deve começar o jogo, para não descaracterizar muito o onze titular.

11h – Costa Rica x Polônia – grupo A

11h – Alemanha x Equador – grupo A

16h – Inglaterra x Suécia – grupo B

16h – Paraguai x Trinidad e Tobago – grupo B