Temer irá manter os 8 ministros citados nas delações - WSCOM

menu

Política

15/04/2017


Temer irá manter ministros citados

DELAÇÕES

Foto: autor desconhecido.

 Michel Temer parece ter desistido de dar qualquer aparência de seriedade e compromisso em seu governo.

O peemedebista deixou claro que não vai demitir nenhum dos oito ministros alvos de inquéritos por terem sido citados nas delações da Odebrecht na Lava Jato.

A avaliação no Palácio do Planalto é que uma saída em massa prejudicaria ainda mais o governo, num momento em que a ordem é tentar aprovar a agenda de reformas no Congresso.

As informações são de reportagem de Gerson Camarotti em seu blog no G1.

"'Temer decidiu que não vai demitir ninguém', disse ao Blog um interlocutor de Temer.

Há cerca de um mês, Temer chegou a criar uma espécie de 'protocolo', segundo o qual ministro citado em delação só deixará o governo se for denunciado pelo Ministério Público e virar réu na Lava Jato.

Os oito ministros alvos de inquéritos são: Eliseu Padilha (PMDB; Casa Civil); Moreira Franco (PMDB; Secretaria-Geral); Gilberto Kassab (PSD; Ciência, Tecnologia e Comunicações); Bruno de Araújo (PSDB; Cidades); Aloysio Nunes (PSDB; Relações Exteriores); Marcos Pereira (PRB; Indústria e Comércio Exterior); Blairo Maggi (PP; Agricultura); Helder Barbalho (PMDB; Integração).

Todos os ministros negam envolvimento em irregularidades."

Notícias relacionadas