Telefonia celular na mira do Procon estadual; aparelhos com problemas serão troc - WSCOM

menu

Economia & Negócios

11/06/2006


Telefonia celular na mira do

O coordenador executivo do Procon estadual, Odon Bezerra, informou ao WSCOM Online que realizará reunião com todos os Procon’s do Estado e fabricantes de celular na próxima quarta-feira, 14. A meta é obrigar empresas a fazer a troca de aparelhos defeituosos que não têm peças de reposição.

“Vamos fazer uma nota técnica. Caso o produto dê problema terá que ser trocado na hora, o que será uma ação inédita essencial”, frisa.

O número de aparelhos com problemas e a demora no concerto têm sido algumas das ocorrências mais registradas pelo Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec).

A alegação de que a indústria está sem peça para repor o mercado vem prejudicando, na opinião de Bezerra, as assistências técnicas.

“Os usuários de celular têm ficado de 20 a 40 dias sem o telefone por conta da carência de peças nas autorizadas”, afirma.

O coordenador executivo do Procon diz que a oferta de peças para viabilizar o trabalho da assistência técnica está prevista no Código de Defesa do Consumidor.

Notícias relacionadas