Suspeito de agredir jornalista em protesto na PB vai responder por lesão corporal - WSCOM

menu

Policial

07/04/2018


Suspeito de agredir jornalista em protesto na PB vai responder por lesão corporal

Agressão aconteceu durante protesto contra a prisão do ex-presidente Lula, em João Pessoa

Foto: autor desconhecido.

O homem suspeito de agredir o jornal Oscar Neto, da rádio Band News, vai responder em liberdade por lesão corporal. De acordo com a Polícia Civil, ele foi encaminhado ainda na noite da sexta-feira (6) à Central de Flagrantes, no bairro do Geisel, o delegado fez todos os procedimentos e liberou o suspeito. A agressão aconteceu na sexta-feira (6) durante protesto contra a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em João Pessoa.

Oscar Neto relatou nas redes sociais que foi cercado por quatro vândalos. Eles derrubaram o gravador e o celular que o jornalista usava para trabalhar e deram vários socos nele.

O ato teve início às 14h, no Lyceu Paraibano, no Centro da cidade, e foi organizada pelo Partido dos Trabalhadores (PT) na Paraíba e pela Frente Brasil Popular, que reúne várias organizações. Os manifestantes dispersaram por volta das 19h20. As informações são do G1.

Notícias relacionadas