Somos todas Marielle: mulheres realizam ato na capital nesta sexta-feira - WSCOM

menu

Paraíba

07/03/2019


Somos todas Marielle: mulheres realizam ato na capital nesta sexta-feira

Jornada das Mulheres também realiza atividades durante todo o mês de março

Dezenas de atividades, entre atos públicos, marchas, palestras, mobilizações, oficinas e outras ações serão realizadas durante o mês de março, na Jornada das Mulheres, promovida por organizações e agrupamentos de Mulheres em toda a Paraíba. Na Capital, o ato público será realizado nesta sexta-feira (8), às 14h, com concentração em frente ao Teatro Santa Roza, na Praça Pedro Américo, com o tema Mulheres Vivas, Livres e por Direitos: Somos todas Marielle. As atividades fazem parte de uma agenda global da luta das mulheres por mais direitos e menos violência.  

 

A programação é descentralizada e se estende de João Pessoa a Cajazeiras, que também terá um ato público na mesma data, pela manhã. Em Patos, o ato público denunciará como a Reforma da Previdência prejudica a vida das mulheres, enquanto Remígio recebe no dia 14 a Marcha pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia.

 

O ato em João Pessoa lembra o assassinato da vereadora Marielle Franco, há um ano, no Rio de Janeiro, cuja investigação aponta para milicianos. Marielle era vereadora pelo PSOL e defensora das causas sociais. Sua morte, ainda sem solução, vem sendo lembrada em atos no país inteiro na busca de respostas e justiça. No Carnaval, blocos e escolas de samba também realizaram homenagens.   

 

Para Socorro Borges, uma das organizadoras do ato, esse ano o desafio de organizar a jornada ainda é maior, porque também traz à tona as violações de direitos que vêm sendo retirados com o atual governo através das reformas trabalhista e previdenciária, que atingem toda a sociedade, porém às mulheres de modo mais significativo. Além disso, de acordo com Socorro, há também a escalada do feminicídio e da violência contra as mulheres.

 

“O 8M de 2019 nos traz de volta às ruas em um grande e colorido coletivo de Mulheres que se unem, mais uma e tantas vezes para afirmar que é possível uma sociedade sem opressão, sem exploração, sem racismo, sem discriminação sexual e sem violências. [Lutamos contra] o aumento do Feminicídio e da violência contra nós, mulheres, que encontra também no desmonte da Saúde Pública (SUS) e da Educação apoio para se alastrar. Estamos nas ruas ainda para cobrar punição aos assassinos de Marielle e de todos os jovens negros e negras assassinados pelo racismo institucional. Estamos nas ruas para denunciar as mortes de nossos parentes indígenas e cobrar demarcações se suas terras”, pontuou Socorro.

 

Outro eixo da programação são as ações culturais, que envolvem exposições, sessões de filmes, batucadas e feiras em todo o Estado, durante todo o mês de março, como o Festival Marielle Vive. Conforme a artista Gláucia Lima, esse é um momento de dialogar entre as diferentes práticas para mostrar à sociedade as pautas das mulheres. “É muito importante quando a cultura assume o discurso de gênero e tem, nas suas práticas, ações voltadas para o empoderamento da mulher. As ações conjuntas do 8M vem reafirmar isso”, resumiu Gláucia.

 

Confira os eixos da programação:

 

I – ATOS DE RUA, CAMINHADAS, MARCHAS NA PB

 

CAJAZEIRAS

 

8/03 – 8h – Ato pela vida das mulheres – Ninguém solta a mão de ninguém – Concentração em frente à delegacia da mulher em Cajazeiras – Organização: MMM, CPT, SINFUMC, CDM, Delegacia das mulheres e Conselho de Igualdade Racial.

PATOS

 

8/03 – 8h – Reforma da Previdência – Teatro: Feminicídio \ Brumadinho – Concentração: Praça Everaldo Mota – Organização: Sindicatos, UBM, Meninas do Axé

 

JOÃO PESSOA

8/03 – 14h – Intervenções e Caminhada: Mulheres, Vivas, Livres e por direitos. SOMOS TODAS MARIELLE – Concentração: Praça Pedro Américo em frente ao Teatro Santa Rosa – Organização: Movimento de mulheres e organizações apoiadoras

 

CAMPINA GRANDE

 

8/03 – 15h – Ato pela vida das mulheres, somos todas Marielle Resistimos para viver, marchamos para transformar. Em defesa da Previdência, dos Direitos e das Liberdades Democráticas – Concentração: Praça da Bandeira – Organização: Movimento de mulheres e organizações apoiadoras

 

REMÍGIO

 

14/03 – 8:30 às 12:30h – X Marcha Pela Vida das Mulheres e pela Agroecologia – Organização: 14 sindicatos de trabalhadores rurais da região da Borborema na Paraíba em parceria com a AS-PTA Agricultura Familiar e Agroecologia

 

II – PANFLETAGEM, INTERVENÇÔES DE RUA E MOBILIZAÇÕES

 

CONDE

 

8/03 – manhã – Mobilização pela não municipalização da saúde indígena – Organização: Comunidade Tabajara.

 

8/03 – 14h – Março de cidadania com Serviços as Mulheres, distribuição de mudas de plantas e Torneio de Baleado. Local: Praça do Mar – Organização: Coordenação de Políticas Públicas Para as Mulheres do Município do Conde e Grupos de Mulheres da Comunidade Quilombola

 

JOÃO PESSOA

 

8/03 – 7:30 h – Panfletagens nos portões de entrada da UFPB, Campus I. Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB.

 

22/03  – horário a definir – Paralisação e ato contra a Reforma da Previdência – Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB, Movimentos de Mulheres e Centrais Sindicais

 

III – EXPOSIÇÕES, FILMES, BATUCADAS, MÚSICA E FEIRA

 

JOÃO PESSOA

 

7/03 – 20h – Coletiva de imprensa de Lançamento do Festival Marielle Vive

 

8/03 – 20h – 3ª Edição SerTÃO Mulher – Marielle vive – Local: San Junpero Pub – Praça Dom Adauto Organização: Projeto SerTÃO Mulher.

 

8 a 15/03 – Campanha de arrecadação de material higiene, durante todo o dia 08 haverá uma tenda de arrecadação durante Ato pela vida das mulheres na praça Pedro Américo e do dia 09 ao dia 15 será no Mosteiro de São Bento – Pastoral Carceraria

 

9/03 – 15h – II Prévia do Festival Marielle Vive – Performance “Elas não cederão” e pocket show de Gláucia Lima e Malacares – Local: Cherim Bom

 

12/03 – 18 h – Mulheres e Comunicação: esse assédio profissional nosso de cada dia, com Margarete Nepomuceno. Local: UFPB. Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

 

12/03 – 18h – III Prévia do Festival Marielle Vive – Praça Marielle Franco UFPB – Slam de Resistência e o cerimonial de fixação da placa. Campus UFPB -Centro de Educação – Projeto Liberdade Igualdade Sororidade – LIS

 

13/03 – 17h- Mulheres da Paraíba fazem Cinema: Amostra de filme com diretoras Paraibanas e amostra de filmes com produtoras paraibanas, Local: Cine Aruanda. Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

 

14/03 – 10h às 22h – Festival Político e Cultural Marielle Vive, Justiça por Marielle e Anderson – 12 horas de resistência para 12 meses de espera – Local: Lagoa – Organização: Sindicato dos Correios, ADUFPB, SINTESPB, ADUEPB, SEDUP, SINDFISCO, PSOL e PT

 

19/03 – 10h – Entrega dos Quites da Campanha de arrecadação de material higiene, missa e abertura do Projeto Lê pra crê — Centro de ressocialização Maria Júlia Maranhão.- Organização: Pastoral Operária

 

27/03 – 10h – Peça Teatral: “O último assalto de um casamento-  Local: Teatro Minerva – CAMPUS II de Areia- Organização Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

29/03 – Palestra sobre machismos, opressões e a reforma da Previdência – Locais:  Mangabeira e Castelo Branco – Organização: Mulheres do PSTU

 

29 e 30/03 – Cuidado e auto-cuidado – Curso de Reflexologia e Massagem antistress – Local: Cunhã – Organização: Mulheres do PSTU e Cunhã

 

30/03 – 16h – Mostra de Cinema Telas por Elas – Local: Mangabeira Shopping – Organização: Projeto LIS e Mangabeira Shopping.

 

1 a 30/03 – horário comercial – Exposição de PARAHYBAS – Local: Livraria do Luiz – Curadoria: Ednamay Cirilo Leite – Apoio Cultural: ACRAA Associação Cultural e Recreativa Anjo Azul, blocos As Anjinhas do Universo Feminino e Confraria de Malagrida.

CAJAZEIRAS

 

8/03 – 19:30h – Prévia do Festival Marielle Vive – Sarau pela vida das mulheres- Somos todas Marielle – Local: NEC de Cajazeiras – Organização: MMM, CPT, SINFUMC, CDM, SINTEO Delegacia das mulheres e Conselho de Igualdade Racial, SINTEP

 

RIO TINTO / MAMANGUAPE

 

14/03 – 17h – Ato: 1 Ano do Assassinato de Marielle Franco Fixação da Placa em homenagem a Marielle Franco – Local: Praça dos Ventos do Centro de Ciências Aplicadas e Educação (CCAE) em Rio Tinto – Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB.

 

CONDE

 

17/03 – 17h – Desfile de Rainhas da África, Feirinha e Aulão de Zumba – Organização: Quilombo do Ipiranga e coordenação de política Públicas para as Mulheres e Coordenação de Cultura do Conde

 

GUARABIRA

 

30/03 – Feira Feminista Solidária – Alusiva ao dia Internacional das Mulheres – Organização: Fórum da Economia Solidária – SEDUP, Caritas, CPT, NUCAES, IFPB

IV – OFICINAS, CURSOS, RODAS DE DIALOGOS E SEMINÁRIOS

 

JOÃO PESSOA

 

7/03 – 10h às 13h e 15h às 18h – Oficina de Bandanas e Batucada – Local: Centro de Vivências da UFPB – Organização: Projeto LIS, Comissão de Comunicação 8M – PB e Marcha Mundial das Mulheres.

 

7/03 – 16h – Semana pela Igualdade de gênero – Local: IFPB Campus Avançado Cabedelo – Organização: Centro IFPB Cabedelo, Slam Parahyba e Baralha do Half.

 

7/03 – 19h – Bate-Papo “Coletor Menstrual: saúde para a mulher e para o planeta”, com Petra Ramalho. Local a definir. Organização: Fórum de mulheres em Luta.

 

8 a 10/03 – 9h30 – III Encontro Estadual de Mulheres da RECID – Local: Mosteiro de São Bento Organização – RECID, UP, ONG Menina Feliz, Casa Pequeno Davi e Instituto Frei Beda.

 

12/03 – 8h às 12h – Seminário – Bolsonaro piora a vida das mulheres: como fazer o enfrentamento dos desmonte das políticas públicas? – Local: Auditório do SINTTEL – Organização: CUT-PB

 

12/03 – 17h – Encontro de mulheres petistas da grande João Pessoa – Campanha pela liberdade do presidente Lula – Local: Sede Regional do PT-PB – Organização: Secretaria Estadual de Mulheres do PT.

 

13/03 – 18:30 às 21:30h – Debate – Lutas diárias enfrentadas para ocupar, permanecer e evoluir nos espaços de trabalho – Local: Usina Cultural Energisa – Organização: Sin Comunicação e Ima Gestão de Imagem, apoio Projeto LIS e Usina Cultural Energisa.

 

14/03 – 17h – Curso de Música para Mulheres – do fazer a leitura – Local: Sala 03 do Departamento de Música da UFPB- Organização: Harue Tanaka

 

15/03 – 9:00h – Audiência Pública e Plenária para as Mulheres – Lançamento da Marcha das Margaridas – Local: FETAG – Organização: Secretária de Mulheres da FETAG e Movimento de Mulheres

 

16/03 – Debate sobre o papel da mulher na estrutura das igrejas – Local: Salão Paroquial da Igreja São Francisco das Chagas – Rangel – Organização: Grupo de mulheres da comunidade São Francisco das Chagas.

 

19/03 – a definir – Mesa de Abertura da Jornada Feminista – Local: UFPB. Organização: Fórum de Mulheres da UFPB

 

19/03 – 14h às 17h – Oficina de proteção e segurança digital feminista – Local: SINTEP-PB – Organização: Universidade Livre Feminista, Articulação de Mulheres Brasileiras, Intervozes e Cunhã Coletivo Feminista.

 

19/03 – 19h – Palestra sobre violência contra a mulher e legislação – Local: Condomínio Sassá Ilha do Bispo – Organização: Centro 8 de Março.

 

20/03 – 13:30h – Oficina: “Nem 4 horas, nem 1 minuto! Como denunciar a violência doméstica”. Local Sala Multimídia do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), Organização: Grupo MARIAS de Extensão e Pesquisa em Gênero, Educação Popular e Acesso à Justiça e Fórum de Mulheres da UFPB

 

21/03 – 9 às 20h – Jornada Feminista: III Ocupa Praça Feminista Local: Praça da Alegria no Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA) UFPB. Organização: Fórum de Mulheres da UFPB

 

27/03 – 15h – Formação interna com novas integrantes no GMLB Maria Quitéria Núcleo Vanderlei Castro – Organização: Grupo Maria Quitéria.

 

29/03 – 18:30h – Lançamento do Relatório sobre Violações de Direitos Humanos das Mulheres em Situação de Violência Doméstica e Familiar no Sistema de Justiça da Paraíba- Local: Auditório do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ) UFPB. Organização: Grupo MARIAS de Extensão e Pesquisa em Gênero, Educação Popular e Acesso à Justiça e Fórum de Mulheres da UFPB

 

CABEDELO

 

8/03 – 10:30h – Roda de diálogo – Movimento de Mulheres, Feminismos e Identidade. Local: Colégio Ser Cabedelo – Organização: Projeto LIS e Colégio Ser.

 

BAYEUX

 

15/03 – 19:30h – Roda de Diálogo – Movimento de Mulheres, Feminismos e Gênero – Local: E. E. E. F. M. Antônio Gomes Bayeux Projeto LIS e E. E. E. M. Antônio Gomes.

 

BANANEIRAS

 

20/03 – 9:30h  – Roda de Conversa sobre Maternagem na Academia, com lanche coletivo e atividade para as crianças- Local:  UFPB – CAMPUS III Grãozinho- Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB – Luisa Quarezemin Zafanan e Katarine Silva

 

20/03 – 9h  – Jornada Feminista – Local Campus III – Organização: com Juliana Sampaio e Juciane de Gregori Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

 

RIO TINTO / MAMANGUAPE

 

18/03 – 19h Debate com Lançamento do Livro de Marielle Franco, com fixação da Placa em homenagem à Marielle Franco –  Local: Auditório do Centro de Ciências Aplicadas e Educação (CCAE) em Mamanguape – Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

 

CAMPINA GRANDE

 

23/03-   08h às 15:30h – Palestra Análise Crítica da Mídia – Oficinas  de Redes Sociais- Local: CUT – Organização: CUT e Secretaria Estadual de Mulheres do PT.

 

AREIA

 

27/03 – 14h – Agrárias Jornada Feminista e I Roda de Diálogos de Mulheres em Areia/CCA Mesa-Redonda 1. Kadydja Menezes da Rocha Barreto: Direitos Humanos das Mulheres no Brasil: Lutas, Conquistas e Desafios. 2. Cleyciane Cássia Moreira Pereira: Direito e Informação para o Empoderamento de Mulheres de Áreas Rurais. 3. Nívia Cristiane Pereira da Silva: como Espaço de Resistência Frente à Atual Conjuntura. LOCAL: UFPB – CAMPUS II Auditório do Prédio Central do Centro de Ciências – Organização: Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

 

V – SESSÕES ESPECIAIS

 

JOÃO PESSOA

 

26/03 – Entrega do “Diploma Mulher Cidadã Ednalva Bezerra” – Local: Plenário da Câmara Municipal de João Pessoa – Organização: Mandato das Vereadoras, Deputadas e Comissão de mulheres da sociedade civil

 

15\03 – Audiência pública\Sessão Especial – Assembleia Legislativa

 

Organizações envolvidas:

 

Abayomi Coletiva de Mulheres Negras

ADUFSSind/ANDES-SN

ADUFEPB

AMIP – índias Tabajaras e Potiguaras

Articulação de Nacional de Mulheres Negras

Articulação Nacional de Mulheres Brasileiras – PB

Associação Flor Mulher

AS-PTA

Associação Anjo Azul

Associação Arte e Vida

Bamidelê

Baque Mulher

Casa Pequeno Davi

Catolicas Pelo Direito de Decidir

CEBI

CEDHOR

Centro de Mulheres 8 de Março

CCAE/UFPB

Coletivo Coco das Mana

Coletivo Mais Mulheres

Cordel UFPB

Comissão de Política de Gênero do Campus IV

Comissão Pastoral da Terra

Cunhã Coletivo Feminista

Consulta Popular

CTB

Grupo EmpodeRI

Grupo de Estudos NENN

GEPSS/UFPB

Grupo Flor de Mandacaru

Grupo MARIASde Extensão e Pesquisa em Gênero, Educação Popular e Acesso à Justiça

Grupo de Mulheres Casa Lilás

Grupo de Mulheres com Deficiência

Grupo de Mulheres Marias Quitéria

Grupo de Mulheres Feministas Santaritense

FETAG-PB

Frente Feminista do Levante da Juventude

Frente Brasil Popular

Frente Povo Sem Medo

Fórum de Mulheres em Luta da UFPB

FOJUNE -PB

Frente Feminista do Levante Popular da Juventude

IDEP – UFPB

INTERVOZES

Liga Brasileira de Lésbiicas – LBL

Marcha Mundial das Mulheres

Mandato Dep. Cida Ramos

Mandato Dep. Estela Bezerra

Mandato Vereador Sandra Marrocos

Mandato Vereador Marcos Henrique

Minha Jampa

Mulheres Guerreiras

Mulheres independentes, estudantes e transfeministas

Missionarias de Meryknoll

Movimento do Espirito Lilás  

Movimento de Moradia Mãos Dadas

Movimento de Mulheres Negras PB

Movimento de Mulheres Trabalhadoras da Paraíba (MMT-PB)

Movimento de Mulheres Olga Benário

Movimento do Pequeno Agricultor/a – MPA

Movimento Sem Terra

NEP

NEABI

ONG Nova Caminha Mulheres do Cárcere

Pastoral Operaria

Projeto Iaras

Projeto Liberdade, Igualdade e Sororidade- LIS

Projeto Pandora

RECID

Sec. Estadual de Mulheres, Juventude e Combate ao racismo do Partido dos trabalhadores

Secretária de Mulheres da CUT

Secretaria estadual de Mulheres do PSB

SEDUP

Setorial de Mulheres do PSOL

Sindicato dos Bancários

Sindicatos dos Jornalistas

SINTEF PB

SINTRAP

SINTEPPB

SINTESP

Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura do Polo da Borborema: Alagoa Nova, Areial, Esperança, Remígio, Montadas, Matinhas, Massaranduba, Queimadas, Lagoa Seca, Lagoa de Roça, Arara, Solânea e Algodão de Jandaíra

Sindicato de [email protected] Rurais de Araçagi e Serraria

Sindicato das Trabalhadoras Domésticas

SINTTEL PB

União da Juventude Socialista

União Brasileira de Mulheres- UBM