Sheik se despede com Itaquerão lotado e campeões da Libertadores - WSCOM

menu

Futebol

08/12/2018


Sheik se despede com Itaquerão lotado e campeões da Libertadores

O agora ex-atacante reuniu seus amigos, companheiros da Libertadores de 2012 e ídolos do Corinthians

© Divulgação/Corinthians

A noite desta sexta-feira (7) foi de festa na Arena Corinthians, onde Emerson Sheik promoveu seu amistoso contra a fome e se despediu de vez da carreira profissional. O agora ex-atacante reuniu seus amigos, companheiros da Libertadores de 2012 e ídolos do Corinthians. Os torcedores ovacionaram Sheik, saudaram Marcelinho Carioca e foram a loucura com o anão Pedrinho.

 

O primeiro grande momento aconteceu aos 11 minutos, quando o jogo foi paralisado para uma homenagem a Sheik. O eterno camisa 11 da Libertadores de 2012 recebeu em mãos a taça daquela conquista, para a loucura dos milhares de corintianos presentes.

 

Com a bola rolando, o time de branco sobrou. A escalação lembrava muito o Corinthians de seis anos atrás: Cássio; Fábio Santos, Chicão, Leandro Castán e Alessandro; Alex, Douglas e Jorge Henrique; Emerson e Liedson. Só faltou Ralf na festa; e o escalado no lugar dele foi Bebeto, que acabou sendo o grande destaque com quatro gols.

 

Mas foi após o intervalo que o amistoso ficou mesmo alternativo. Marcelinho Carioca, por exemplo, entrou e fez gol, depois bateu falta na trave, deu carrinho na lateral… deixou a galera em delírio. O time branco ainda teve o anão Pedrinho, que fez gol, teve uma assistência e deu até chapéu, virando tema para canto provocativo dos torcedores para o rival Palmeiras.

 

Emerson Sheik, é claro, também fez o gol dele, o décimo do time branco. O ídolo alvinegro saiu de campo muito aplaudido nos minutos finais e deu volta olímpica na Arena para agradecer aos torcedores e também ser aplaudido.

Com informações da Folhapress