Serventuários invadem AL e fazem ‘panelaço’; TJ ainda não entrou em acordo com g - WSCOM

menu

Paraíba

23/03/2006


Serventuários invadem AL e fazem

Os serventuários do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ) estão em greve há 15 dias reivindicando melhores condições de trabalho e reajuste salarial. Na próxima quinta (23), eles ameaçam invadir a Assembléia Legislativa e promover um ‘panelaço’ em frente ao TJ. Desde a deflagração do movimento os grevistas tentam reunião com o presidente da Casa, João Antonio de Moura, a fim de entrarem em acordo.

A finalidade da invasão a Assembléia é de que os deputados revejam o aumento sugerido para os magistrados da Paraíba, com votação prevista para a próxima semana.

“Vamos invadir a Assembléia nesta quinta-feira. É inadmissível que os magistrados ganhem salários exorbitantes, enquanto que nós solicitamos um aumento ainda pendente do ano passado (de R$ 1.046,00 para R$ 1.800,00, em final de carreira) e até agora nem obtenhamos resposta”, afirmou o presidente do Sindicato dos Oficiais de Justiça do Estado (Sojep), Benedito Fonseca.

A categoria tem 95% de adesão ao movimento, segundo a Sojep. “Mesmo assim o presidente do TJ parece fazer vista grossa”, disse Fonseca.

A greve deste ano já é maior do que a registrada no ano passado, quando a categoria passou 15 dias de braços cruzados. “Não vamos desistir, porque muitas das reivindicações são decorrentes de pendências de 2005”, avisou Benedito Fonseca.

Notícias relacionadas