Serrano bate CSP mais uma vez e garante classificação histórica às semifinais - WSCOM

menu

Futebol

15/03/2018


Serrano bate CSP mais uma vez e garante classificação histórica às semifinais

Com o mesmo placar da partida de ida, oito dias atrás, no Amigão, o Lobo da Serra eliminou o Tigre praiano com gol de Izaías, aos 38 minutos do segundo tempo e agora encara o Campinense, numa semifinal histórica para o time de Serra Redonda

Foto: autor desconhecido.

Lá e lô e uma classificação histórica.

Foi assim que o Serrano garantiu, pelo menos em tese, a terceira vaga nas semifinais do Campeonato Paraibano 2018 ao bater o CSP novamente por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (14), no Estádio Almeidão, em João Pessoa.

Com o mesmo placar da partida de ida, oito dias atrás, no Amigão, o Lobo da Serra eliminou o Tigre praiano com gol de Izaías, aos 38 minutos do segundo tempo e agora encara o Campinense, numa semifinal histórica para o time de Serra Redonda.

Em 2002 o Serrano disputou a semifinal do primeiro turno do Paraibano, que na época não valeu de muita coisa, uma vez que Botafogo-PB e Treze só ingressaram no certame a partir do returno. Dessa vez é pra valer e o Lobo pode até beliscar uma das duas vagas da Paraíba na Série D do Campeonato Brasileiro.

Todo esse feito, porém, pode ser manchado caso a competição seja paralisada em virtude das polêmicas interpretações do regulamento.

É que, pelo que se desenha nos bastidores, o Departamento Jurídico da equipe eliminada na outra perna da repescagem, Botafogo-PB ou Sousa, pode questionar o artigo 9 das regras do Paraibano 2018 via Justiça Desportiva e parar o campeonato no tapetão.

Se a bola continuar correndo normalmente, Serrano e Campinense começam a decidir no próximo domingo (18), às 16h, no Amigão, uma vaga na decisão do estadual.

O jogo da volta, com mando rubro-negro, pelo que consta na tabela divulgada pela FPF, está agendado para o dia 1º de abril. A Raposa, por ter feito melhor campanha na primeira fase, joga pelo empate na soma dos dois resultados.

O jogo

Na primeira etapa, a partida foi bastante disputada, mas bem pouco criativa. As emoções da peleja ficaram mesmo reservadas para o segundo tempo.

Na etapa complementar, o CSP voltou melhor. Mas acabava por dar espaço para os contra-ataques do Lobo da Serra. Em um desses, aos 36 minutos, o atacante Izaías aproveitou um bom passe de cabeça de Tales, bateu no canto de Wallace, abriu e fechou o placar.

Notícias relacionadas