Secretaria diz que atendeu exigências do CRM após interdição do Hospital de Cabedelo - WSCOM

menu

Política

18/06/2018


Secretaria diz que atendeu exigências do CRM após interdição do Hospital de Cabedelo

Foto: autor desconhecido.

Através de nota, a Secretaria de Saúde de Cabedelo informou que atendeu a maioria das exigências feitas pelo Conselho Regional de Medicina (CRM) referentes à infraestrutura e atendimento do Hospital e Maternidade Municipal Padre Alfredo Barbosa (HMMPAB). O Hospital foi interditado pelo CRM hoje.

A Secretaria informou que hoje à tarde irá ao CRM entregar a lista de escala de plantões dos médicos pediatras, exigência maior feita pelo órgão para manter o funcionamento da unidade hospitalar. Segundo o órgão, a escala ficará regular após o prefeito atender a demanda da categoria e anunciar o reajuste dos plantões médicos.

Dentre as medidas tomadas pela Sescab em atendimento ao CRM estão a reforma e adequação das salas de repouso médico e urgência. A aquisição de um equipamento de Raio-X também está em andamento, bem como a de equipamentos de imagens (ultrassom, ressonância e tomografia), que deverá ter a licitação iniciada nesta quarta-feira (20).

“A Sescab tranquiliza a população, bem como as famílias dos pacientes internados no HMMPAB e garante que vai manter o pleno funcionamento da Unidade Hospitalar”, disse.

Notícias relacionadas