São Paulo 'perde' dupla responsável por 21 dos 34 gols no Brasileiro - WSCOM

menu

Futebol

28/08/2018


São Paulo ‘perde’ dupla responsável por 21 dos 34 gols no Brasileiro

Os números comprovam o impacto das ausências que o Tricolor terá no Brasileirão

Foto: autor desconhecido.

No último domingo, Diego Aguirre saiu do Estádio do Morumbi satisfeito com a vitória de seus comandados sobre o Ceará, que culminou na manutenção da liderança do Campeonato Brasileiro, mas preocupado com os problemas que terá para montar a equipe do São Paulo contra o Fluminense, no próximo domingo, novamente com expectativa de Morumbi cheio. Isso porque, além de Jucilei, o treinador perdeu duas de suas referências em termos de números na temporada: Nene e Everton, ambos suspensos.

Os substitutos para as duas vagas do setor ofensivo ainda serão definidos pelo comandante uruguaio a partir da próxima quarta-feira, quando os titulares do último jogo se reapresentam no CT da Barra Funda. Porém, quaisquer que sejam os escolhidos, a verdade é a de que a reposição será complicada, tanto pelas características dos camisas sete e 22, quanto pela importância no desempenho do time em campo.

Os números comprovam o impacto das ausências de Everton e Nene. Líder do Campeonato Brasileiro, o São Paulo marcou 34 gols na competição, dos quais a dupla participou efetivamente de 21, seja balançando as redes ou contribuindo com assistências. Ou seja, de acordo com os dados fornecidos pelo site especializado Footstats, os dois jogadores tiveram influência direta em aproximadamente 61,7% dos tentos marcados pelo time.

Contratado para ser a ‘cérebro’ do meio-campo do São Paulo depois da saída de Hernanes, decisivo para o time no segundo semestre de 2017, Nene não se tornou rapidamente a unanimidade que é atualmente. Com Dorival Júnior, o camisa 10 atuava pelo lado do campo e chegou a ser opção no banco de reservas. Desde que Aguirre chegou, o experiente meia, mais centralizado, se tornou a referência e artilheiro do time no Brasileiro, com oito gols.

Entretanto, os tentos são apenas um dos motivos que ajudam a explicar a importância de Nene para o time. Em relação a assistências, o camisa 10 possui duas na competição nacional e detém, ainda, o posto de atleta que mais finaliza e o que mais fornece passes para finalização do São Paulo.

Contratado junto ao Flamengo, Everton foi uma aquisição “espetacular”, segundo o próprio Aguirre. Desde que desembarcou em São Paulo, o camisa 22 se tornou uma peça fundamental do esquema tricolor formando uma parceria do lado esquerdo com Reinaldo que tem rendido frutos. Ativo em 19 dos 21 jogos do time no Brasileiro, o meia-atacante já marcou cinco gols e deu seis assistências.

Além da dupla formada por Everton e Nene, Aguirre não poderá contar com Jucilei. Porém, essa substituição é considerada natural com a entrada de Liziero, que cumpriu suspensão contra o Ceará. Outro que pode retornar para este confronto é Hudson, que se recupera de um problema no joelho, mas não esteve em campo no jogo-treino da última segunda-feira.

 

FOX Sports

Notícias relacionadas