Runco diz que Robinho deve voltar a treinar na 4ª - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

26/06/2006


Runco diz que Robinho deve

O médico da Seleção Brasileira, José Luiz Runco, afirmou nesta segunda-feira que o atacante Robinho deve voltar a treinar com os companheiros na próxima quarta-feira.

O ex-santista sofreu um edema no músculo da coxa direita e está vetado para a partida desta terça, contra a seleção de Gana, pelas oitavas-de-final da Copa 2006.

“Ele não vai para Dortmund (local do jogo). Ele fica aqui (Bergish Gladbach) fazendo tratamento fisioterápico. Acredito que na quarta ele já tenha condições de iniciar os trabalhos novamente”, afirmou Runco.

Caso vença Gana, a Seleção Brasileira volta a campo no sábado, em partida válida pelas quartas-de-final da Copa do Mundo.

“Ele não joga amanhã e a idéia é preparar ele para sábado, se Deus quiser se conseguirmos um bom resultado”, destacou o médico. Runco afirmou que é normal jogadores de futebol sofrerem esse tipo de lesão muscular.

“Esse tipo de lesão é comum para quem faz atividade física”, observou.

Medo – O atacante Robinho, da Seleção Brasileira, afirmou nesta segunda-feira que sentiu medo após saber que havia sofrido um edema no músculo da coxa direita, e afirmou é a primeira vez que enfrenta este tipo de problema, que o tirou da partida contra Gana.

“Não sei nem o que significa isso”, disse Robinho, sobre o edema. “Infelizmente acabei sofrendo, pela primeira vez”, completou. O atacante deixou o treino de sábado prematuramente, e exames realizados na manhã de hoje constataram o edema (inchaço) no músculo da coxa direita. O atacante se disse chateado com o ocorrido, mas comemorou o fato de não ter acontecido nada sério. “Fiquei com um pouco de medo, até por que não entendo de medicina”, disse.

“Depois, conversando com o doutor (José Luiz Runco, médico da Seleção) ele me disse que era algo normal e eu ia ficar bem”, explicou.

Robinho disse que no início não tinha certeza sobre a gravidade da lesão, mas que imaginava que estava pronto para jogar contra Gana. “Eu só não sabia se ia começar no banco ou como titular”.

O atacante descartou também a possibilidade dos treinos terem provocado a lesão. “Acredito que foi cansaço muscular. Todos os aquecimentos são bem feitos, e sempre fazemos alongamentos”.

Notícias relacionadas