Rosilene Gomes entregará projeto da Copa do Nordeste à CBF - WSCOM

menu

Mais Esporte

28/07/2007


Rosilene Gomes entregará projeto da



Rosilene foi encarregada de entregar a proposta nas mãos do presidente

Presidentes de sete federações de futebol do Nordeste se reuniram durante esta semana no Recife e homologaram a realização da Copa do Nordeste para 2008. O Portal WSCOM Online conversou com a presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Rosilene Gomes, para saber os detalhes do encontro. Dentre outras coisas, foi criado o Fórum Permanente do Nordeste, que será o responsável pela organização do campeonato.

Rosilene Gomes foi eleita a vice-presidente deste Fórum e ficou definido que 16 clubes irão participar do torneio, que será disputado em 14 datas. Com relação ao número de representantes que cada Estado terá direito, acertou-se que Pernambuco e Bahia terão três vagas, enquanto Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Norte, Ceará e Paraíba terão duas.

Para viabilizar a competição, é preciso que haja o aval da Confederação Brasileira de Futebol, o que de acordo com Rosilene, já foi resolvido: “Ricardo (Teixeira, presidente da CBF) me disse o seguinte: arranje data que faremos o campeonato”. Ela foi encarregada de entregar a proposta nas mãos do presidente e deve fazê-lo assim que o dirigente voltar da Suíça, para onde viajou a fim de devolver o caderno de encargos da FIFA para a realização da Copa do Mundo no Brasil em 2014.

De acordo com o que foi decidido pelos presidentes das federações, o torneio será disputado após os Estaduais e antes do Brasileirão das séries B e C. Ela acrescentou que a proposta que será encaminhada a Ricardo Teixeira, solicita que as competições nacionais comecem apenas em julho, e não em abril, como acontece atualmente com a Segunda Divisão.

Sobre o interesse dos clubes, ela informou:

“Todos querem participar. A questão é o financeiro. Posso dizer que já temos 99% do campeonato vendido”.

Rosilene disse ainda que os encontros do Fórum serão sempre realizados no Recife, por ser o ponto mais central para os participantes e que a organização do torneio caberá às Federações, através do Fórum. Segundo a presidente da FPF, Ricardo Teixeira sempre apoiou a realização da competição:

“Ele sempre foi a favor do Campeonato do Nordeste. O que ele era contrário era a forma de organização que era feita por Paulo Carneiro, que dizia que faria o que quisesse e passava por cima de todo mundo. Isso não existe. Existe hierarquia e precisa ser obedecida”, afirmou Rosilene.

Sobre a motivação para as equipes participarem, ela declarou que não há possibilidade, pelo menos nos próximos três anos, de dar ao campeão o direito de disputar a Copa Sul-americana, como alguns desejam. Contudo, o Fórum tentará outras formas de premiação, como uma vaga na série B para aquelas equipes que fazem parte da Terceira Divisão, além de prêmios em dinheiro para os três primeiros colocados.

Os clubes que irão disputar a Copa do Nordeste terão acesso através de critérios técnicos, a partir dos respectivos Estaduais.

Notícias relacionadas