Ricardo Coutinho defende Chico César e diz que querem crucificá-lo - WSCOM

menu

Política

20/04/2011


Ricardo defende Chico César

“Forró de Plástico”

Foto: autor desconhecido.

O governador Ricardo Coutinho (PSB) defendeu hoje o secretário de Cultura, Chico César, que se envolveu em polêmica ao declarar que o estado não vai pagar bandas de “forró de plástico” e disse que pela situação financeira que o estado se encontra o governo tem que escolher que atrações contratar. Ricardo aproveitou que estamos na Semana Santa para dizer que querem crucificar o secretário por defender uma coisa que é correta. "Querem deturpar o que o secretário Chico César disse para quer crucificá-lo".

Ele destacou ainda que o governo entende como importante as festividades juninas no estado, mas reafirmou que não tem condições de financiar as festas juninas.

“Mas mesmo assim, o estado financia muita coisa. Você sabe quando significa mobilizar uma Polícia para garantir segurança nestas festividades, com diárias, combustível? Você sabe quanto significa mobilizar hospitais, ambulâncias e outra serie de coisas que o estado mobiliza?”, indagou o governo.

Sobre o pagamento de bandas de forró eletrônico, Coutinho defendeu o secretário e disse que suas declarações foram distorcidas. “O que Chico César propõe e o que o Estado vai fazer é ser democrático. É garantir que as pessoas escutem todas as tendências, independentemente do meu gosto, da minha presença. Ser democrático significa dá uma chance as pessoas de ouvirem alguma coisa mais do que aquilo que 95% das emissoras tocam. Esse é o papel do Estado, e não vetar ninguém, como não vetou”, declarou.

O governou afirmou ainda que a missão do governo é incentivar que a cultura do estado possa estar como prioritária. “O Estado não veta ninguém, mas o foco é garantir destaque para nossa cultura”.

 

 

Notícias relacionadas