PTB decide não participar do ‘chapão’, mesmo com Dunga na suplência de Cícero - WSCOM

menu

Política

16/06/2006


PTB decide não participar do

O PTB decidiu não participar do ‘chapão’ proposto pelo governador Cássio Cunha Lima (PSDB), a informação é do vereador Tavinho Santos (PTB), líder da oposição na Câmara Municipal. “Nós fizemos uma reunião preliminar e ficou decidido que mesmo que Carlos Dunga venha realmente a ser suplente do ex-prefeito Cícero Lucena para o senado, não vamos participar do chapão,”, revela.

“Para nós não interessa o ‘chapão’, nós temos condições de fazer três deputados federais e três estaduais”, acredita. “O chapão descaracteriza os partidos, transforma todos num partido único”, explica.

Segundo o vereador, várias vozes dentro do partido têm se mostrado contra a coligação proposta pelo governador. Para exemplificar o vereador citou os nomes do próprio Carlos Dunga e dos deputados Philemon Rodrigues e Enivaldo Ribeiro.

Santos disse que a coligação do PP, PTB e PL na eleição passada teve mais votos do que o PSDB e o PFL juntos. “Se somarmos os votos de Ronaldo Cunha Lima, Armando Abílio e Efraim Morais vamos ter em média 360 mil votos, nós tivemos 450 mil!”, argumenta.

O PTB tem hoje 28 prefeitos, 30 vice-prefeitos, 298 vereadores e 2 deputados federais, além de 48 presidentes de Câmara. O partido fará convenção amanhã quando deverá homologar os nomes escolhidos para deputados estaduais, federais, governo e senado.