PSG atropela Bayern com gols de Neymar e Dani Alves - WSCOM

menu

Mais Esporte

27/09/2017


PSG atropela Bayern com gol de Neymar

CHAMPIONS LEAGUE

Foto: autor desconhecido.

Com uma grande atuação de seu poderoso trio de ataque, o Paris Saint-Germain mostrou sua força no Parque dos Príncipes e venceu o Bayern de Munique por 3 a 0, nesta quarta-feira, pela 2ª rodada do grupo B da Uefa Champions League.

Daniel Alves, com assistência de Neymar, e Cavani, em um golaço após ótimo passe de Mbappé, fizeram os dois primeiros gols da partida, ainda no primeiro tempo. Neymar, aproveitando sobra de jogada genial de Mbappé, fechou a conta na etapa complementar.

Curiosamente, a grande atuação vem dias depois do meia-atacante Arjen Robben, do Bayern, provocar o PSG e dizer que "dinheiro não faz gols". No entanto, os caríssimos atacantes da equipe francesa mostraram que o dinheiro é capaz, sim, de comprar muitos gols – Robben, por sua vez, começou no banco, só entrou no segundo tempo e pouco fez.

O resultado é excelente para o PSG, que mantém o 100% de aproveitamento, vai a 6 pontos e lidera sua chave de maneira isolada.

O placar também alivia a barra do técnico Unai Emery, que vinha sendo questionado nos últimos dias após a polêmica dos pênaltis entre Neymar e Cavani, ficando na corda bamba após a péssima atuação contra o Montpellier, pela última rodada da Ligue 1. Agora, o espanhol certamente ganhará alguns dias de paz.

Para o Bayern, porém, serve para ligar o sinal de alerta. Vivendo fase muito ruim, em 3º lugar na Bundesliga, o clube agora afunda na crise, com a pressão em cima do experiente técnico Carlo Ancelotti ficando cada vez maior em Munique.

Menos mal para os alemães que, no outro jogo da tarde, o Celtic venceu o Anderlecht só por 1 a 0 e não conseguiu ultrapassar os bávaros, ficando em 3º lugar, enquanto os alvirrubros seguem no 2º posto – o clube da Bélgica, zerado, é lanterna.

Na próxima rodada, o PSG visita o Anderlecht, dia 18 de outubro, às 16h45 (de Brasília).

No mesmo dia, o Bayern tenta a recuperação contra o Celtic, na Allianz Arena.

Após muitos dias de polêmicas após o episódio do pênalti contra o Lyon, Neymar e Cavani se entenderam bem em campo nesta quarta-feira, muito graças também à boa partida de Mbappé. Em suma, o trio inteiro funcionou muito bem.

Neymar, aliás, entrou em campo ligado no 220 V: logo no primeiro lance de ataque da partida, ele arrumou ótima assistência para Daniel Alves, que entrou na área pela direita e fuzilou na saída do goleiro Ulreich para abrir o placar em Paris.

Foi a 11ª assistência do atacante nas duas últimas temporadas da Liga dos Campeões. Ele lidera com folga o ranking do quesito, já que nenhum outro atleta soma mais de seis passes decisivos no mesmo período.

Já aos 31, Mbappé recebeu pela direita e, de costas para o gol, deu ótimo passe para Cavani chegar dando um lindo chute colocado da entrada da área para balançar novamente a rede do Bayern.

Na comemoração, o uruguaio ganhou um abraço de Neymar, selando a paz.

Pouco depois, por pouco o camisa 10 ainda não deu uma assistência genial para o matador: aos 36, ele ajeitou de letra para Cavani chutar, mas desta vez a finalização saiu fraca, nas mãos do arqueiro Ulreich, que finalmente defendeu uma.

No segundo tempo, o clube de Paris fechou a conta em mais uma jogadaça de Neymar e Mbappé: o brasileiro tocou na direita e viu o francês fazer lance genial, deixando Alaba na saudade e chutando para o meio da área. A bola bateu nas canelas de Javi Martínez, mas Neymar aproveitou a sobra e mandou para dentro.

Uma grande atuação do ataque, para deixar o Parque dos Príncipes em polvorosa.

Neymar, aliás, lidera a lista dos jogadores que mais fizeram o combo gol + assistência nesta temporada: cinco oportunidades, contra três dos atacantes Sergio Agüero (Manchester City) e José Callejón (Napoli).

Destaque também para o goleiro Areola, que começou a temporada no PSG sob desconfiança, mas fez ótima partida nesta quarta, defendendo chutes dificílimos de Martínez, no 1º tempo, e Rudy, Coman e Lewandowski, na segunda etapa.

Ficha técnica

FICHA TÉCNICA
PARIS SAINT-GERMAIN-FRA 3 x 0 BAYERN DE MUNIQUE-ALE

Local: Parque dos Príncipes, em Paris (FRA)
Data: 27 de setembro de 2017, quarta-feira
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Antonio Mateu (ESP)
Assistentes: Pau Cebrián e Roberto Díaz (ambos ESP)
Cartões amarelos: Verratti (PSG); Kimmich, Vidal, Thiago Alcântara e Rudy (BAY)

GOLS
PSG: Daniel Alves, aos 2, e Cavani, aos 31 minutos do primeiro tempo; Neymar, aos 18 minutos do segundo tempo

PSG: Areola; Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Kurzawa; Thiago Motta (Lo Celso), Rabiot e Verratti (Draxler); Mbappé (Di María), Neymar e Cavani Técnico: Unai Emery

BAYERN: Ulreich; Kimmich, Javi Martínez, Süle e Alaba; Tolisso (Rudy), Vidal e Thiago Alcântara; James Rodríguez (Coman), Thomas Müller (Robben) e Lewandowski Técnico: Carlo Ancelotti