Professores de escolas particulares fazem assembléia amanhã deixando cerca de 20 - WSCOM

menu

Educação

30/03/2006


Professores de escolas particulares faze

Mais de vinte mil alunos da rede particular de ensino ficarão sem aulas nesta sexta-feira, 31, por conta de uma Assembléia Geral dos trabalhadores do ensino privado, a partir das 9h, no Hotel Corais de Carapibus, município do Conde. A assembléia vai abrir o congresso do Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Privado da Paraíba.

Mais de vinte mil alunos da rede particular de ensino não terão aulas nesta sexta-feira, 31, por conta de uma Assembléia Geral dos trabalhadores do ensino privado, a partir das 09h, no Hotel Corais de Carapibus, no Conde. A assembléia vai abrir o congresso do Sindicato dos Trabalhadores em Ensino Privado da Paraíba.

O coordenador do Sinteenp, Avenzoar Arruda, informou que a pauta da assembléia será calcada na estratégia da campanha salarial e na reforma do estatuto do Sindicato.

Entre as 65 cláusulas apresentadas, Avenzoar destaca como principais reivindicações o reajuste salarial de 20%, a redução do número de alunos por turma, a garantia de gratuidade aos filhos dos professores e funcionários e a possibilidade de plano de saúde e habitacional.

São cerca de 7 mil funcionários de todo estado, exceto Campina Grande que possui outro sindicato.

Notícias relacionadas