Previsão pessimista: CDL não acredita em aumento representativo de contratações - WSCOM

menu

Economia & Negócios

25/10/2005


Previsão pessimista: CDL não acredita

O presidente da CDL, Lindemberg Vieira, não acredita em um aumento expressivo nas vagas que serão abertas no final do ano no comércio. Ele disse que os números anunciados sobre o crescimento na área comercial não correspondem à realidade.

“Se hoje você não tem dinheiro algum e amanhã você tem 10 centavos significa que melhorou, mas não expressivamente”, explica Vieira.

Apesar de pessimista ele confirmou que algumas empresas já estão fazendo cadastros para o trabalho temporário. E estão mais criteriosas. Além de exigir cadastro positivo, a seleção priorizará sintonia entre o candidato a vaga e o perfil da empresa.

“Os contratantes estão antenados com a qualidade do serviço prestado, por isto o funcionário deve estar capacitado para desempenhar a função desejada”, alerta o presidente.

Lindemberg Vieira não quis fazer nenhuma previsão de quantas vagas serão abertas e afirmou que somente no mês de dezembro é possível saber este número.

Ele observou que o piso salarial do comércio de João Pessoa é de R$ 406, 00, podendo chegar a R$1.000 com comissões. Segundo Vieira, o piso é superior aos praticados em outras capitais nordestinas como Salvador, Recife e Natal.

Notícias relacionadas