Policial é expulso por cobrar vantagem de motoristas irregulares em blitz - WSCOM

menu

Policial

16/11/2018


Policial é expulso por cobrar vantagem de motoristas irregulares em blitz

Foto: autor desconhecido.

Conforme publicação no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (15), um sargento da Polícia Militar foi excluído da corporação por participar uma blitz sem autorização e cobrar vantagem dos motoristas irregulares para liberá-los, no município de Baía da Traição, no Litoral Norte da Paraíba.

Consta na portaria que, sem o devido conhecimento ou autorização do superior, o ex-militar participou de uma blitz de trânsito na estrada que dá acesso à praia de Baia da Traição. Ele e outros militares passaram a abordar veículos particulares e de transporte de passageiros, exigindo documentação.

Após o fato, foi aberta uma Ação Penal Militar, na qual o sargento foi condenado, tendo a decisão confirmada pelo Tribunal de Justiça da Paraíba. A decisão teve seu trânsito em julgado em agosto de 2016.

“As ações praticadas pelo militar afrontaram incisivamente os preceitos legais e administrativos que regem os policiais militares da Paraíba, deixando uma marca indelével de descompasso e desrespeito às leis e regulamentos que deve observar e acatar”, diz trecho da portaria, de autoria do Comando Geral.