Polícia prende três homens portando armas e drogas em Santa Rita - WSCOM

menu

Policial

30/08/2018


Polícia prende três homens portando armas e drogas em Santa Rita

Foto: autor desconhecido.

Após receber denúncias anônimas, a  Polícia Civil prendeu na tarde dessa quarta-feira (29)  três suspeitos de tráfico de drogas na cidade de Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa (PB). Com os homens, foram encontrados 500 gramas de maconha, uma balança de precisão, três motos, três aparelhos celulares  e três revólveres de calibre 38 com munições. Dos três presos, dois já possuem antecedentes criminais por práticas de assalto e homicídio.

Segundo o delegado Alexandre Fernandes Batista Andrade, chefe do Núcleo de Repressão a Entorpecentes da Delegacia Seccional de Santa Rita, os três homens se encontravam em atitude suspeita nas imediações do cemitério público da cidade. “Recebemos informações sobre a conduta desses três elementos, que estavam em atitude suspeita, e nossas equipes de policiais foram ao local averiguar. Para nossa surpresa, nos deparamos com essa situação de flagrante delito porque eles estavam de posse de armas e drogas”, afirmou o delegado.

Os presos foram identificados como William Carlos de Oliveira (conhecido como William do buraco, sapo e BS), João Carlos da Silva Azevedo  (conhecido como “cabeça” e Manoel) e Lindemberg Martins dos Santos (conhecido como Ninho).

Os três homens foram autuados em flagrante delito e conduzidos à Central de Polícia, no bairro do Geisel, em João Pessoa, onde ficarão até serem apresentados ao juiz durante a audiência de custódia. Apesar de terem sido presos em flagrante, os três homens ainda serão alvo de outras investigações. É que os revólveres apreendidos com os suspeitos não estavam com a numeração de série raspada, o que permite o rastreamento sobre a origem desses armamentos. Com isso, a polícia terá condições de descobrir, por exemplo, se as armas foram tomadas por assalto de alguma empresa de vigilância privada.

“Não descartamos a possibilidade desses elementos também estarem envolvidos com outras práticas de crimes, tendo em vista que dois, pelo menos, já possuem histórico criminal. Vamos continuar as investigações para elucidar bem os fatos”, concluiu o delegado.

Esta é a primeira prisão em flagrante realizada pela equipe do Nucleo de Repressão a Entorpecentes de Santa Rita. A unidade foi criada há cerca de um mês e já vem apresentado resultados satisfatórios, como afirma o delegado seccional de Santa Rita, Everaldo Medeiros. “A iniciativa de criar esse núcleo partiu da própria delegacia seccional com intuito de fortalecer o combate ao tráfico de drogas nessa região. Estas, sem dúvida, são as  primeiras de muitas outras prisões que serão feitas”, declarou.