Polícia prende envolvido na morte de vigilante no Valentina Figueiredo - WSCOM

menu

Policial

03/03/2006


Polícia prende envolvido na morte

Policiais do Serviço de Inteligência do 5º Batalhão, sediado no Conjunto Valentina Figueiredo, prenderam o ex-presidiário Irapuan Oliveira da Silva, de 36 anos. Ele confessou ter participado do assassinato do vigilante Josivan de Souza Nascimento, o “Baixinho”, de 33 anos.

Irapuan foi preso na Comunidade Torre de Babel, no Conjunto Valentina Figueiredo. Na 11ª Distrital, para onde foi levado, além de confessar o crime ele apontou duas pessoas conhecidas por Chinês e Orelha como participantes do homicídio.

Para os policiais o ex-presidiário disse que o vigilante foi morto por ter dedurado “bandidos” do Valentina Figueiredo e acrescentou que qualquer pessoa que resolver ser vigia naquela comunidade será morto. Baixinho foi o quarto vigilante a ser morto em menos de dois anos naquele conjunto.

O vigilante foi assassinado na madrugada desta quinta-feira, 2, com quatro tiros de espingarda e três tiros de revólver. O crime aconteceu por volta das 5h20 da manhã desta quinta-feira.

O crime ocorreu em frente a um depósito de material de construção quando jô vigilante fazia a última ronda. Ao passar pelo depósito um homem que estava escondido por trás de uma pilha de tijolos saiu do local e efetuou um tiro de revólver. Mesmo baleado Baixinho, que morava no Condomínio da Amizade, deixou a moto que pilotava e saiu correndo. Os criminosos saíram em seu encalço e efetuou outros disparos.

Notícias relacionadas