Paraíba participa na Bahia de conferência que visa modernizar defesa agropecuária - WSCOM

menu

Brasil & Mundo

05/06/2018


Paraíba participa na Bahia de conferência que visa modernizar defesa agropecuária

Foto: autor desconhecido.

A Paraíba participa desta terça-feira (5) até quinta-feira (7), em Salvador, da 6ª Conferência Nacional e 1ª Internacional de Defesa Agropecuária. O evento é realizado pela Sociedade Brasileira de Defesa Agropecuária (SBDA), e a Paraíba é representada pelo secretário estadual de Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, Rômulo Montenegro (foto), que também foi convidado na condição de presidente do Conselho Nacional de Secretários de Estado de Agricultura (CONSEAGRI).

O tema central da Conferência é “Moderniza Defesa: Processos, Serviços e Sustentabilidade”, tendo como objetivo discutir, de forma transversal, as demandas da sociedade, seja do ponto de vista dos serviços finalísticos prestados às distintas cadeias produtivas, como também dos controles de processos que resultam na oferta de alimentos livres de resíduos e contaminantes; fortalecimento do sistema de vigilância ativa e passiva pela adoção da inteligência quarentenária e princípios epidemiológicos; municipalização dos serviços de defesa agropecuária; manejo de pragas, controle de enfermidades e impactos ambientais.

O evento, que já contemplou as regiões Norte, Nordeste, Sul e Sudeste, desde 2006 conseguiu reunir mais de 5.500 pessoas. Em sua versão atual tem 600 inscritos de 25 Unidades da Federação e com a perspectiva de serem atingidos os 700; tem 92 trabalhos científicos submetidos, dos quais 40% afiliados à Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia — ADAB, reunindo 110 palestrantes/moderadores para tratarem dos seguintes eixos temáticos: “Ciência e Tecnologia a Serviço da Defesa Agropecuária”; “Fitossanidade”; “Defesa Sanitária Animal”; “Desafios e perspectivas para o uso de Agrotóxicos”; “Sementes e Mudas”; e “Sanidade Apícola”.

HISTÓRICO DA SBDA

A Sociedade Brasileira de Defesa Agropecuária – SBDA, fundada em 16 de agosto de 2010, constitui-se numa associação civil e de direito privado sem fins lucrativos, de finalidade técnico-científica e de utilidade pública, com natureza jurídica própria, regida por um Estatuto e pela legislação em vigor. A SBDA tem como missão promover a integração das entidades e das pessoas executoras da Defesa Agropecuária, colaborar e zelar para o aperfeiçoamento do Sistema Brasileiro de defesa Agropecuária.