Paraíba gera 4º maior saldo de empregos do país em agosto, revela Caged - WSCOM

menu

Paraíba

23/10/2018


Paraíba gera 4º maior saldo de empregos do país em agosto, revela Caged

Foto: autor desconhecido.

A Paraíba voltou a ser destaque na geração de empregos com carteira assinada no país, gerando o 4º maior saldo de vagas e o 2º do Nordeste. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério do Trabalho, mostram que o Estado gerou 7.244 postos em agosto.

O desempenho da Paraíba ficou atrás apenas de Estados como São Paulo, Pernambuco e Paraná entre as 26 unidades da federação e do Distrito Federal. Já outros cinco Estados tiveram queda de emprego em agosto: Maranhão, Acre. Espírito Santo Sergipe e Rio Grande do Sul.

Todas as atividades econômicas da Paraíba tiveram saldo positivo no último mês. Dados do Caged mostram que o saldo de agosto da Paraíba foi puxado pelo maior volume de contratações nos setores da agropecuária (3.321), da indústria de transformação (2.559) e de serviços (647). Foi o melhor agosto em geração de vagas do Estado dos últimos cinco anos, potencializado pelo início da safra da zona canavieira e da fabricação de etanol e de açúcar pelas usinas. No acumulado do ano, a Paraíba virou o cenário, acumulando agora saldo positivo de 2.747 vagas formais.

Cenário regional – A Paraíba foi responsável por quase 20% dos 36.468 empregos gerados nos nove Estados do Nordeste em agosto. A região apresentou o segundo maior saldo do país no último mês. O Sudeste criou 4l.303 vagas e liderou a geração do saldo de empregos, enquanto o Centro-Oeste (13.117) ficou em terceiro lugar; o Sul com 10.243 postos em quarto lugar e o Norte com 9.308 vagas ficou em 5º lugar.

O país registrou saldo de 110.431 postos com carteira assinada. Este é o melhor resultado para o mês nos últimos cinco anos. De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ao todo, foram registradas 1,353 milhão de contratações e 1,242 milhão de demissões.

Notícias relacionadas