Operação 'Galo da Madrugada' prende três suspeitos de tráfico em Nova Floresta - WSCOM

menu

Policial

12/02/2019


Operação ‘Galo da Madrugada’ prende três suspeitos de tráfico em Nova Floresta

Imagem meramente ilustrativa

Três homens foram presos, na manhã desta terça-feira (12), durante a operação “Galo da Madrugada”, realizada por policiais civis e militares, na cidade de Nova Floresta, a 166 quilômetros de João Pessoa. Foram apreendidos dois revólveres de calibre 38, com 11 munições intactas, entorpecentes, balanças de precisão, dois aparelhos de celular, além de uma motocicleta. Os trabalhos ainda tiveram o apoio de equipes do Corpo de Bombeiros.

Ao todo, cerca de 80 servidores foram mobilizados para atuar na operação. Com apoio de 25 viaturas, os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão e duas pessoas foram flagradas com a posse ilegal de armas.

O outro foi preso por tráfico de drogas. Além de balança e entorpecentes, ele estava de posse de cadernos de anotações, celulares e embalagens que seriam usadas na confecção dos papelotes com entorpecentes.  

Segundo o delegado seccional de Picuí, Jorge Luiz Almeida, a operação foi deflagrada para combater os crimes de tráfico de drogas e homicídios. Ele explicou que Nova Floresta registrou em 2016 seis homicídios. Em 2017, foram 10 e, em 2018, 10. “Esses números são considerados altos para a população da cidade. Por isso, começamos a investigar e identificar as pessoas envolvidas com o tráfico”, declarou.

O comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar, coronel Afonso Galvão, afirmou que a ação mobilizou cerca de 50 policiais militares, que já vêm ajudando a Polícia Civil no combate à violência na região. “O tráfico de drogas incide em prática de outros tipos de crimes, como homicídios e roubos. E, combatendo o tráfico, estamos reduzindo esses delitos. Estamos trocando informações com a Polícia Civil para atuar de forma integrada na repressão da criminalidade”, afirmou o coronel.